Loui Jordan

A saúde é o maior patrimônio de uma pessoa. Pensando nisso, o mês de combate ao câncer de próstata, novembro, é mais um momento onde o homem está sendo chamado a verificar e cuidar da sua saúde. Embora o Novembro Azul esteja relacionado de forma ampla na saúde do homem, a pauta mais visada é sobre a próstata.

Para falar sobre a campanha, falamos com o urologista Fernando Gouvea. O médico chegou na cidade há quatro meses. Atende no Centro Integrado de Assistência a Mulher e a Adolescente (CIAMA) e também na Policlínica e possui um consultório particular.

Qual a importância de se ter um mês dedicado a saúde do homem?

A importância seria para conscientização. O câncer de próstata hoje mata 42 homens por dia, além de ter uma estimativa pelo INCA (Instituto Nacional do Câncer) que teremos aproximadamente 68 mil casos diagnosticados neste ano de 2019. E por que que é importante estimular o Novembro Azul e ter o Novembro Azul? Porque o homem tem que ter cultura de frequentar o médico urologista anualmente para a prevenção do câncer de próstata e não só para isso. O Novembro Azul congrega também uma proposta de saúde do homem. O câncer de próstata é a principal bandeira, mas o homem deve procurar desde a puberdade, como é culturalmente feito pelas mulheres em procurar o ginecologista. Então, o Novembro Azul levanta essa bandeira também este ano da saúde global do homem.

O que é o câncer de próstata?

A próstata é uma glândula do sistema reprodutor masculino que fica abaixo da bexiga. A uretra que é o canal que liga a bexiga até a extremidade do pênis para eliminar a urina, é abraçada por essa glândula. Essa glândula fica logo à frente do reto que é o intestino, a parte final do intestino. Por isso que o toque retal, ele propicia a gente fazer a palpação digital da próstata pela localização anatômica da próstata. Então, o câncer de próstata é uma neoplasia que é desenvolvida dentro dessa glândula e a partir daí, ele pode se não for diagnosticado de forma precoce, se expandir e fazer metástases, se espalhar pelo corpo todo como qualquer outra neoplasia, outro câncer.

Quando é indicado o homem fazer o exame de próstata? Qual a idade?

Hoje, a Sociedade Brasileira de Urologia orienta duas vertentes. Todo homem a partir dos 50 anos tem que procurar o urologista para fazer o exame preventivo do câncer de próstata. Ou a partir dos 45 anos de idade, homens que tem fatores de risco para câncer de próstata. Homens que tem parentes de primeiro grau com história de câncer de próstata, outro fator de risco, obesidade e homens afrodescendentes, tem mais propensão de ter câncer de próstata. Então é muito importante a partir dos 45 anos que esses homens  procurem um urologista.

O que é o exame preventivo do câncer de próstata?

É o conjunto da realização do exame de sangue que é o PSA com o toque retal realizado pelo médico Urologista. Deve-se ressaltar que 20% dos casos de câncer de próstata é diagnosticado pelo simples toque retal, então esses exames de forma isolada, eles não tem o mesmo valor de diagnóstico em conjunto. Então é muito importante você dosar o sangue e fazer o toque, essa é a forma correta de você fazer o exame, o check-up, o rastreio para o câncer de próstata anual. O exame de sangue não exclui o toque retal e nem o toque retal exclui o exame de sangue, um complementa o outro. Durante o toque retal, o médico vai sentir nódulos, endurecimento da próstata e que pode sugerir um diagnóstico de câncer.

É difícil convencer os homens a irem ao médico e principalmente a fazer o exame de próstata?

Eu acho que a conscientização está permeando com mais tranquilidade. Já foi pior, só que ainda existe uma resistência dos homens e um certo preconceito. Apesar de que os homens hoje já estão se conscientizando até porque pelo número de diagnóstico de câncer. Para se ter uma base, o câncer de próstata atualmente é o segundo câncer que mais mata o homem, tirando tumor de pele não melanoma. Os homens já começam a conhecer pessoas próximas com câncer de próstata avançado.

As mulheres podem ajudar no combate a esse câncer, ou seja, ela pode ser uma aliada do homem nesse caso?

Muito das vezes a gente recebe no consultório a própria mulher preocupada com a saúde do esposo. A mulher tem essa cultura de cuidar mais da saúde, ela é mais disciplinada e por isso que até vivem mais. O homem infelizmente nem tanto, mas isso está mudando. O Novembro Azul ano a ano vem para alavancar essa cultura de saúde global do homem que congrega não só a prevenção ao câncer de próstata, mas também ao estímulo em procurar o médico Urologista para prevenir e se orientar sobre outras doenças.

No dia a dia é possível notar alguma característica do câncer?

Não. O câncer de próstata as vezes ele é confundido com a hiperplasia prostática benigna, que é um aumento da próstata que todo homem com a idade vai aumentar, isso é inevitável. Então aí ele começa a obstruir, como eu comentei que a próstata abraça a uretra, ela começa a crescer e a próstata começa a apertar esse canal. Aí ele começa a sentir sintomas de urina, dificuldade para urinar. Isso são disfunções miccionais em decorrência da HPB, hiperplasia benigna. Quando o paciente começa a sentir sintomas relativos ao câncer de próstata, por exemplo a dor óssea, dentre outros sintomas, em 95% dos casos a doença já está avançada e praticamente sem condições de chance de cura.

Quais são os fatores de risco?

Os fatores de risco são homens com parentes de primeiro grau com história positiva para o câncer de próstata, afrodescendentes e pacientes que tem obesidade.

Quais as chances de cura se o câncer for descoberto no início?

Tem 90% de chance de cura, por isso a importância da prevenção.

Quais são as formas de se prevenir o câncer de próstata?

Não, não tem como. Falar assim ‘eu vou tomar tal medicação’, não. Claro, se você fazer uma dieta, pobres em gorduras podem prevenir o câncer de próstata, mas não tem documentado uma receita para prevenção. O negócio é o diagnóstico precoce, prevenir doença avançada, prevenir doenças incuráveis, eu acho que isso seria a frase. O rastreio anual é o recomendado.

Considerações finais.

Como se trata de uma doença que tem 90% de chance de cura quando o diagnóstico é precoce, a de recomendar mais uma vez que todo homem procure seu médico urologista anualmente e não só para a prevenção do câncer de próstata, afinal de contas, o homem tem outras doenças. Evidentemente, o exame de próstata é a maior bandeira deste mês dedicado a saúde do homem. Mas trata-se também de uma campanha que visa a saúde global do homem. Portanto, não perca a oportunidade de preservar o grande tesouro da vida, a saúde.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here