Ademilson e Rafael (foto) são investigados em diversos crimes cometidos em Três Pontas e região

A Polícia Civil de Três Pontas foi até Alfenas na manhã desta quarta-feira (31) e prendeu dois rapazes suspeitos de ter assaltado em agosto deste ano, uma loja de departamentos no Centro da cidade.

Rafael Alves da Silva de 30 anos (foto) e Ademilson Vitor Silva de 32, foram presos em casa, nos bairros Jardim Primavera e Santa Maria. A Justiça expediu mandados de prisões e buscas e apreensões. Na casa de Rafael, os policiais encontraram um amplo sistema de monitoramento. De dentro do quarto dele, em uma TV, ele vigiava toda a rua onde morava através de câmeras.

Na residência deles, os policiais encontraram R$5.410,00, 11 aparelhos celulares, vários documentos de veículos, binóculos, balanças de precisão, um dichavador e pen drives. Os dois foram levados para a Delegacia de Policia Civil de Três Pontas e depois encaminhados para o Presídio da cidade. Os materiais foram apreendidos.

Grande quantidade de dinheiro foi apreendida na casa dos suspeitos

Atuação padrão

A dupla é amplamente conhecida em Alfenas, mas tem atuado no crime em várias cidades da região. Eles são investigados suispeitos de terem furtado gados e cometido assaltos na zona rural de Santana da Vargem e Três Pontas.

Ademilson que morou em Santana da Vargem e Rafael teriam utilizado um veiculo para assaltar a loja de departamentos no fim do mês de agosto na Rua Barão do Rio Branco. Eles chegaram, um deles armado, entraram na loja e anunciaram o assalto. Eles foram ao caixa, pegaram cerca de R$800 em dinheiro e levaram mais de 40 aparelhos celulares que estavam em um armário e no depósito.

Na semana seguinte, eles agiram na mesma rede de lojas, em Areado. Usando o mesmo carro, eles renderam funcionários e roubaram cerca de 19 aparelhos celulares e uma furadeira. Eles trancaram os funcionários no banheiro e fugiram.

O veículo utilizado por eles foi tomado de assalto pouco dias antes em Alfenas. Duas estudantes entravam no carro, quando um deles abordou as jovens de 20 e 23 anos. Um deles ainda efetuou dois disparos para o alto e as vítimas saíram correndo.

Ademilson é suspeito de integrar uma quadrilha que assaltou um posto de combustíveis em Santana da Vargem, em março deste ano. Eles agiram em plena luz do dia. Dois homens chegaram ao posto e foram até o escritório dizendo que um parente deles havia repassado uma nota falsa no estabelecimento, sendo que eles queriam fazer a troca e corrigir o erro do suposto familiar.

Quando chegaram ao escritório, em determinado momento, ambos sacaram as armas, anunciaram o assalto e obrigaram que os funcionários entregassem o dinheiro. Eles levaram mais de R$180 mil, entre dinheiro e cheques.

O veículo que eles teriam usado, foi encontrado abandonado em uma rua da cidade. Quando os policiais militares que atenderam a ocorrência, consultaram a placa do automóvel era de Lavras, mas o chassi era de outro veículo, que tinha sido furtado em Oliveira, na região Centro Oeste do estado de Minas Gerais, em novembro do ano passado.

Equipe de policiais e investigadores da Polícia Civil de Três Pontas

Assista a reportagem

COMPARTILHAR

Comentários