Motoristas pagavam R$1,10 por duas horas e agora pagam R$2,50 por uma hora de estacionamento

A partir desta quarta-feira (20), quem precisa estacionar em uma das vagas da Praça Cônego Victor, está pagando mais caro na Zona Azul. O serviço administrado pela Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais, a APAE, desde 2009, passou de R$1,10 por cada duas horas, para R$2,50, até uma hora de estacionamento. O reajuste é o pontapé para informatizar o estacionamento rotativo, que atualmente está restrito à Praça da Matriz. Apesar de legalmente poder cobrar o novo valor desde 02 de abril, o aumento foi feito através de um novo Decreto expedido pelo Poder Executivo.

De acordo com a diretora da instituição Rozilda Gama Reis, estavam disponíveis 700 vagas, foram exploradas 429, abrangendo toda a região central, chegando a empregar 21 pessoas, mas hoje são apenas 4 funcionários.

Aos trancos e barrancos, com muitas dificuldades e acumulando prejuízos, a APAE que venceu um processo licitatório para prestar o serviço até 2019, espera a conclusão da implantação da Junta Administrativa de Recursos de Infrações, a JARI. Dela, através de convênios com a PRODEMGE, Detran e instituições financeiros, o motorista que estacionar na área cobrada e sair sem pagar é multado. Depois de pesquisas realizadas na região e constatadas de fato que o preço cobrado na Área Azul é o mais barato e inviável, os planos é informatizá-la, o que será pioneiro. A expectativa é expandir a área de abrangência, colaborando com a organização do trânsito na região central e garantindo mais comodidade, rapidez ao procurar uma vaga para estacionar, o que hoje se torna um problemão em Três Pontas.

A oportunidade de informatizar a Área Azul, traa esperanças para a diretora e os usuários sentirão a diferença. Os motoristas poderão comprar seus bilhetes até por celular, como crédito das operadoras.

COMPARTILHAR

9 Comentários

  1. se nao ir trabalhar de carro no centro sobraria mais vaga
    capital e de 7 pra cima 2 horas
    tres pontas era 1,10 2 horas
    quem administra a area azul e a apae nao a prefeitura
    metade das vagas das capitais sao carga e descarga

  2. Deveria ser MAIS CARO ainda para estimular às pessoas a caminhar, pedalar…
    Muitas vezes eu preciso ir ao banco, coreios ou até ir em alguma loja para comprar alguma coisa e não encontro nenhuma vaga porque acredito ter muitos comerciantes ou até mesmo funcionários que usam o carro para ir ao trabalho e ocupam as vagas.
    Vi em outra reportagem o fato da possibilidade do comércio ficar aberto até mais tarde aos sábados. Seria uma boa se tivesse lugar para estacionar e o principal, um bom atendimento que é oque não é fácil de encontrar em nossa cidade. Olha a dificuldade que temos para comprar algo em nosso comércio local, primeiramente não conseguimos estacionar e quando conseguimos é longe de onde precisamos ir, quando chegamos em uma loja os atendentes estão sem estímulos para atender (talvez por problemas de remuneração ou estão ali por acomodção). Daí queremos concorrer comercialmente com o comércio na cidade vizinha que inova com criatividade, cobra caro para estacionar mas nos apresenta um leque de opções em um único lugar.
    Comerciantes, presidente da associação, departamento de trânsito municipal, Já passou da hora de pensar, ou estão na zona de conforto? acomodados.
    Vou parar por aqui, porque se for continuar ficarei dias descrevendo as infantilidades ocoridas em nossa cidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here