Os católicos celebraram nesta quinta-feira (12), o Dia da Padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida. Os trespontanos tiveram celebrações solenes nas duas maiores paróquias da cidade e mais uma vez demonstraram a fé e devoção nesta data que foi mais que especial em 2017, já que está se comemorando os 300 anos de sua aparição durante uma pescaria no Rio Paraíba do Sul, que antes pertencia a Guaratinguetá (SP).

Na Matriz que ostenta o nome da Santa, houveram celebrações o dia todo, com carreata que percorreu várias ruas dos bairros que pertencem a paróquia. Em carro aberto, Nossa Senhora foi conduzida pelo pároco padre André Rodrigues Vilas Boas, foi aplaudida e homenageada. As crianças foram consagradas e ganharam lembrancinhas durante a comunhão. Muitos montaram altares na fachada das residências e estabelecimentos. Todos que participaram das celebrações neste dia, levaram para casa uma garrafinha com água e a oração de Nossa Senhora Aparecida. Padre André orientou que ao voltarem para casa, os fiéis deveriam aspergir com água as residências e rezarem.

A Matriz ficou lotada e mesmo assim muita gente teve que ficar de fora enfrentando o sol (Foto: Equipe Positiva)

A noite, o Bispo Emérito Dom Diamantino Prata de Carvalho encerrou as festividades que começaram no dia 03 de outubro e levaram todos os dias uma legião de devotos. A procissão luminosa concluiu a festa e passou por algumas ruas ao redor da Matriz.

Na Matriz Nossa Senhora D’Ajuda, a missa solene foi as 10:30 da manhã presidida pelo padre Roberto Donizetti de Carvalho. Comunidades na cidade e zona rural rezaram neste feriado. (Fotos: Marcio Brito)

COMPARTILHAR

Comentários