*Santa Casa precisa de R$2,6 milhões para os quitar os salários atrasados

A direção clínica e técnica do Hospital São Francisco de Assis de Três Pontas comunicou oficialmente a Prefeitura, Secretaria de Saúde, Câmara de Vereadores, Promotoria de Justiça e Provedoria, que os serviços dos setores de Maternidade e Pediatria serão suspensos temporiamente a partir desta quarta-feira (11). O motivo é que os atrasos salariais dos médicos, tem impossibilitado a manutenção completa da escala de plantões.

De acordo com a Santa Casa, eles estão a seis meses sem receber. No comunicado entregue às autoridades nesta segunda-feira (09), a escala de plantões incompleta acarreta falta de segurança e potencial risco a saúde dos pacientes. A suspensão dos atendimentos só será normalizada, quando a situação for regularizada. Para quitar os salários dos médicos, o Hospital precisa de R$2,6 milhões.

Santa Casa aguarda para se manifestar

A direção da Santa Casa vai aguardar uma reunião marcada para a tarde desta terça-feira (10), no Ministério Público para se manifestar sobre o assunto.

O provedor Michel Renan Simão Castro informou na semana passada, que o caos está instalado nos hospitais devido a dívida que o Governo do Estado de Minas Gerais tem com as instituições. O Hospital São Francisco de Assis tem a receber R$5.339,797,87. Neste montante estão inclusos recursos do Pró Hosp, Rede Resposta, extrapolamentos e emendas parlamentares que não foram pagas pelo governo.

COMPARTILHAR

Comentários