Alguns dos alunos do curso de eletricista com Ana Paula, beneficiada com o programa do Governo Federal desenvolvido pela AMSESAM

Denis Pereira – A Voz da Notícia

Os alunos que integram o curso de eletricista, promovido pela Associação dos Moradores dos Bairros Santa Edwirges e Santa Margarida (AMSESAM), em parceria com a Educa Treinamentos, começaram na manhã deste sábado (11), a participar das aulas práticas que estão sendo ministradas pelo instrutor Antônio Montuani. Pela primeira vez, eles viram na prática como se faz toda parte da instalação elétrica de uma residência, da fiação e colocação de interruptores, entre outros.DSC04655-001

Josimar Manoel da Silva tem 24 anos é ajudante de pedreiro e não via a hora de começar as aulas práticas, já que foi preciso muito esforço para estudar toda a apostila.

O coordenador dos cursos, o vereador Francisco Botrel Azarias (PT), disse que os cursos da Educa Treinamentos que começaram em outubro do ano passado, tem a participação de 70 pessoas, que estão se qualificando para o mercado de trabalho. Muitos esperam mudar de profissão, garantindo uma renda maior. O encontro deste sábado registrou a primeira aula prática e mostrou a construção da casa que está sendo construída através de um projeto do Governo Federal e desenvolvido pela AMSESAM, fica na Rua Joaquim Barros de Andrade 28. O contrato foi assinado pela Caixa Econômica Federal (CEF), também em outubro do ano na sede da associação, com a presença de várias autoridades.

O “Moradia Digna, um Sonho Realizado”, está edificando residências para 13 famílias que possuem o terreno, mas não tinham condições de sair do aluguel ou ter sua casa própria. É o caso da Ana Paula de Lima (33), casada e mãe de dois filhos de 04 e 13 anos, possuía há anos o terreno, mas é através do projeto que ela vai deixar de morar nos próximos dias em dois cômodos que ficam nos fundos da casa do pai. Agora ela vai ter sala, uma ampla cozinha, banheiro e um quarto. E já deixou a base pronta para ampliação. “O projeto chegou numa boa hora, já que nós não tínhamos condições de comprar todo o material”, conta Ana Paula.

O Governo Federal disponibiliza uma ajuda de R$10.500 para a construção de cada uma das residências. Cada família precisa ter o local e pagar a mão de obra.

A AMSESAM planeja promover outros cursos para a população, inclusive de pedreiros, já que está em falta estes profissionais no mercado de trabalho. Chico Botrel faz questão de destacar um grande parceiro que a associação tem em todos os projetos sociais desenvolvidos, principalmente na construção das casas. O Clube da Casa, do empresário Agenor Garcia Rosa é sempre aliado e tem sido peça fundamental na realização destes sonhos.

Alunos pela primeira vez pegaram pesado na aula prática inaugural
Alunos pela primeira vez pegaram pesado na aula prática inaugural
Casa no Cidade Jardim está sendo construída pela AMSESAM através do Governo Federal
Casa no Cidade Jardim está sendo construída pela AMSESAM através do Governo Federal
COMPARTILHAR

Comentários