Foram levados para o Instituto Médico Legal (IML) de Lavras, os corpos dos trespontanos Gleiber de Lima e Raquel Evangelista Cantarino, ambos de 25 anos. Eles foram atropelados na BR 265 em Nepomuceno, por um veículo conduzido por Éverton a que estava visivelmente embriagado.

O acidente foi por volta das 18:30 entre as cidades de Coqueiral e Nepomuceno. O casal estava a caminho de Três Pontas quando a moto que eles estavam, uma Broz, foi atingida por um Voyage com placas de São Paulo que seguia sentido contrário.

Com o impacto da batida, eles foram arremessados a cerca de 30 metros e morreram na hora. O carro saiu da pista. O motorista sofreu ferimentos no rosto e foi preso pela Polícia Militar Rodoviária Estadual.

O motorista fez o teste do bafômetro que confirmou que ele havia ingerido bebida alcoólica, o que configurou crime de trânsito. Éverton estava muito nervoso e agressivo, teve que ser contido pelos policiais, algemado e preso.

Eles moravam e trabalhavam em Nepomuceno. Ela na Prefeitura e ele na agência dos Correios. Os corpos foram sepultados neste domingo, no Cemitério de Três Pontas.

Moto que o casal estava ficou destruida
Moto que o casal estava ficou bastante danificada

 

COMPARTILHAR

Comentários