Atualizado as 22:24

Não há nenhuma suspeita de quem seja o corpo encontrado na zona rural de Três Pontas nesta segunda-feira (04), nem mesmo o que teria acontecido. Somente as investigações que devem ser feitas pela Polícia Civil, após exames mais detalhados é que será possível elucidar este caso.

No início da noite, um lavrador de 39 anos que procurava gados na Fazenda Figueira encontrou um corpo em estado avançado de decomposição, próximo de um riacho. Aparentando ser de uma mulher e com um mal cheiro muito forte, o corpo estava sem as mãos, os pés e a cabeça que não foram encontrados.

Não havia nada junto ao corpo ou próximo dele, capaz de ajudar a identificar quem é a pessoa. A informação é que o corpo deveria estar lá a pelo menos 10 dias. Na Polícia Militar, não há registrado o desaparecimento de nenhuma pessoa.

A Perícia da Polícia Civil de Varginha esteve no local, realizou os trabalhos para investigar o caso e tentar identificar se foi crime ou não. O corpo foi levado pela Organização de Luto Cônego Victor, para o Cemitério Municipal, onde permaneceu até a remoção para o Instituto Médico Legal (IML) de Varginha.

Durante a tarde desta terça-feira (05), a cabeça foi encontrada a cerca de 10 metros de onde estava o corpo, pertinho de um riacho. A Perícia foi novamente chamada e voltou ao local.

COMPARTILHAR

Comentários