Os estudantes do quarto período de Administração da Faculdade Cenecista de Varginha, a Faceca, realizou em parceria com a ONG Amor Animal na manhã deste sábado (23), uma Feira de Adoção de Cães, na Praça Cônego Victor. Quem não arredou os pés da praça foi o vereador Francisco Fabiano Diniz, o Professor Popó, defensor dos animais. Ele registrou com sua câmera fotográfica todo o evento, principalmente os cãezinhos que ele tanto adora. Só na casa dele são 30.

A instituição que cuida dos animais, disponibilizou 29 cães para serem adotados e todos ganharam um lar, além de três gatos que foram para casa. Quem quis levá-los assinaram um termo de compromisso e a ONG faz a fiscalização para conferir se os animais estão sendo bem cuidados. Quem teve o ato de amor também ganhou presentes.

O evento que chamou a atenção principalmente das crianças, teve também apresentação do Canil Dry-Port, além da distribuição de pipoca, algodão doce e cama elástica montada em frente a igreja Matriz Nossa Senhora d’Ajuda. O SAAE que apoiou o evento junto com a Prefeitura e a Polícia Militar disponibilizou água.

A líder do grupo formado por 16 alunos, Carolina Porto Alves explicou que as turmas precisam desenvolver projetos em várias áreas como social, ambiental, entre outros. Na área social, a exemplo de outras cidades como Boa Esperança e Varginha, eles estão realizando o “Casamento Comunitário” e o dia do Dia do Idoso. No meio ambiente, a faculdade autorizou os alunos a realizar a feira em parceria com a ONG. Tudo é custeado pelos alunos que mostram na prática se eles sabem planejar, executar e mostrar a satisfação de um projeto desenvolvido.

A presidente da ONG Ana Cláudia Abreu, disse que a adoção é uma das principais ações no combate a super população de cães e gatos. Além dos animaizinhos estarem ganhando lares, o município está realizando a castração de cães sem donos desde o início do mês. São 20 animais que já passaram pelo procedimento e a expectativa é que 60 cachorrinhos e cachorrinhas incluindo a zona rural sejam castrados.

Uma das grandes preocupações da instituição, criada exclusivamente para cuidar dos animais, é a conscientização sobre a posse responsável. “As pessoas que tem em casa precisam entender e saber das suas responsabilidades e também que abandonar maltratá-los é crime”, informou Ana Cláudia. Ela reconhece que a situação está fora do controle, mas é preciso uma ação não apenas do poder público mas de toda a sociedade.

A feira terminou por volta das 12 horas. (Denis Pereira – A Voz da Notícia – Imagens: Vereador Popó)

[ot-gallery url=”http://www.equipepositiva.com/gallery/feira-de-adocao-de-caes-atrai-os-olhares-no-centro-em-tres-pontas/”]

COMPARTILHAR

Comentários