Fotos: Divulgação

 

O menor de 16 anos resistiu ao ser abordado, havia ameaçado os policiais e dito que não iria parar. Ao ser liberado, deve ter cometido o mesmo crime em uma loja, causando enorme prejuízo 

A Polícia Militar agiu rápido e conseguir apreender em flagrante, na noite desta segunda-feira (16), um adolescente de 16 anos que invadiu a sede de uma Igreja Evangélica localizada no bairro Ponte Alta, em Três Pontas.

Pessoas que passavam pela Rua Nossa Senhora D’Ajuda, nas proximidades da Igreja Pentecostal “Deus é Poder”, ouviram um barulho. Eles então perceberam que um rapaz, de posse de uma machadinha desferiu um golpe contra a porta de vidro da Igreja. Ele saiu do local, mas voltou rapidamente e, de novo bateu com a machadinha na porta. Desta vez, o vidro se quebrou e ele conseguiu entrar no templo. O rapaz pegou uma mesa de som completa com a fiação e um microfone e saiu correndo em direção ao bairro Jardim das Acácias. Quando ele passou de frente a um posto de combustíveis na Rua Nossa Senhora D’Ajuda, testemunhas perceberam que o suspeito havia feito um furto e saíram correndo atrás dele. O adolescente fugiu para o bairro Vila Marilena e a Polícia Militar foi chamada. No bairro Eldorado, os policiais avistaram o suspeito que correu em direção ao bairro Aristides Vieira ao ver a viatura, mas foi alcançado. Quando os militares foram abordá-lo ele ainda resistiu e teve que ser contido.

As testemunhas reconheceram o menor e ao verificarem o posto de combustíveis encontraram a mesa e o microfone furtados. Na fuga, ele ainda havia retirado o bico das bombas dos seus lugares e jogado no chão.

Ele foi encaminhado ao Quartel da Polícia Militar e enquanto era registrado o boletim de ocorrências, o adolescente fez ameaças aos policiais, dizendo que iria matá-los e que a lei protege os menores de idade de serem presos. E prometeu que assim que fosse liberado, iria praticar outros delitos.

Após o registro do BO por volta de 2:30 da madrugada, o menor foi liberado à sua mãe.

Já por volta de 05:40 da manhã, um rapaz com as mesmas características e usando a mesma cor de roupa, arrombou a porta blindex de uma loja na Rua José Delphino, no bairro Antônio de Brito e faz ‘a limpa’. O suspeito furtou 50 calças, várias bermudas, camisetas, blusas de frio, jaquetas, saias, shorts femininos, roupas de bebê e muita bijuterias como brincos, broches, anéis e óculos de sol e fugiu em direção ao bairro Morada Nova.

A Polícia Militar foi até o local e faz rastreamento a fim encontrá-lo. O prejuizo está calculado em pelo menos R$3 mil. O principal suspeito é o menor que havia sido liberado horas antes do Quartel. Ele também mora no bairro Antônio de Brito, já possui diversas passagens e é bastante conhecido no meio policial.

COMPARTILHAR

Comentários