O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), por meio da 3ª Promotoria de Justiça de Três Pontas, promove, no dia 17 de outubro, às 19h, o evento “Pela substituição da cultura da sentença por uma cultura de paz”. A ação será no auditório da Cooperativa dos Cafeicultores da Zona de Três Pontas, a Cocatrel, que fica na Rua Bento de Brito, 110, no Centro.

O evento é aberto ao público e tem o objetivo de divulgar espaços não judiciais de resolução de conflitos já disponíveis no município, além de apresentar a técnica da terapia sistêmica, que pode ser utilizada tanto âmbito do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) quanto no ambiente escolar. A Promotoria de Justiça espera que o evento represente um ponto de início para a concepção de projetos a serem implementados na comarca de Três Pontas.

Conforme a promotora de Justiça Ana Gabriela Brito Melo Rocha, a ação é voltada para o desenvolvimento da cidadania e de difusão de instrumentos de pacificação social. “O Poder Judiciário encontra-se cada vez mais sobrecarregado e, em muitas situações, a demorada solução judicial não é capaz de resolver os conflitos entre as partes”, considera.

Para a promotora de Justiça, o Ministério Público, assim como outros agentes, tem o dever de estimular a solução consensual de conflitos e de disseminar os benefícios do uso de métodos adequados de resolução de conflitos.

COMPARTILHAR

Comentários