A Polícia Militar atendeu a uma ocorrência de furto de um celular, na manhã desta sexta-feira (17), no Centro de Três Pontas. O que parecia apenas um simples furto, que acontece corriqueiramente, se transformou em um caso de estelionato, que surpreendeu um casal de comerciantes e a própria polícia.

O lavrador Reginaldo Vitor Gervásio de 37 anos, chegou ao estabelecimento que fica na Rua Nossa Senhora D’Ajuda, para pegar seu celular, um aparelho J5 que havia sido deixado para consertar. Em determinado momento, quando o lavrador estava sendo atendido, um menino, menor de idade, entrou na loja e aproveitou do descuido do cliente, furtou o celular e fugiu em uma bicicleta que estava do lado de fora.

Reginaldo imediatamente começou a cobrar o aparelho furtado e informou que iria trabalhar, porém, mais tarde voltaria para pegar ou o dinheiro ou um novo aparelho. Em seguida, a suposta vítima do furto foi embora.

Câmera flagrou quando os dois subiam a Rua Bento de Brito juntos, porém, o pai (de bicicleta) chega primeiro na loja

A Polícia Militar foi chamada e verificou as imagens do circuito de segurança e as surpresas começaram a serem desvendadas. Os militares verificaram que Reginaldo tinha chegado junto com o ladrão na loja e que era ele quem estava na bicicleta que o menor fugiu.

As guarnições começaram a procurar pelos dois suspeitos e encontrou Reginaldo Gervásio já na casa dele, no bairro Santa Inês. Lá, ele acabou dando detalhes de seu plano, arquitetado por ele e que o personagem principal era seu filho de 13 anos, o menino que furtou seu próprio aparelho. Assim, o lavrador não precisaria pagar pelo conserto celular, que ficou em R$370 e ainda ganharia outro, por causa do furto.

O adolescente de 13 anos contou que havia escondido o aparelho na Rua Coronel João dos Reis, mas não se lembrava ao certo o local. Os policiais fizeram uma varredura pela via, mas não encontraram nada.

O menor recebeu voz de apreensão e o pai dele foi preso em flagrante, ambos encaminhados à Delegacia de Policia Civil de Três Pontas. O rapaz foi em seguida encaminhado ao Presídio.

A câmera flagra o adolescente correndo e pegando a bike para fugir. O pai observa na porta da loja
COMPARTILHAR

Comentários