Denis Pereira – A Voz da Notícia

O Cartório Eleitoral de Três Pontas e Santana da Vargem finalizou mais uma etapa do calendário da Justiça Eleitoral de preparação das urnas para as eleições de 2020. De acordo com o calendário eleitoral, os servidores realizaram a carga das urnas e o trabalho começou no domingo (1º), passou pelo feriado de Finados e foi concluído na terça-feira (03). Este é o momento em que são inseridos nos equipamentos o software de votação, dados dos candidatos do município, dados dos eleitores de cada seção eleitoral e também a mídia de gravação de resultados, onde serão registrados os votos dos eleitores.

Durante o procedimento, são feitos testes de funcionamento de todas as teclas da urna e do terminal do mesário, testes de áudio, vídeo e da impressora que gera a zerésima e boletim de urna, nos 160 equipamentos utilizados na 273ª Zona Eleitoral.

Também são realizados, por amostragem, testes de votação com os candidatos reais, para checar o funcionamento do sistema. De acordo com a Chefe do Cartório Eleitoral Maria Rosa Guimarães Miari, terminada essa etapa, as urnas são lacradas e ficam prontas para a eleição. São 148 equipamentos utilizados, sendo 133 para Três Pontas e 15 em Santana da Vargem. Sobram 12 urnas reservas, chamadas de contingência. Após realizadas todas as etapas, as urnas recebem diversos lacres, que garantem a sua inviolabilidade até a data da votação.

Maria Rosa Guimarães Miari detalhou que existe uma flash de carga, que é uma mídia que passa em todas as urnas com os dados do município, das seções, eleitores e candidatos. Depois, é inserido a flash de votação, com as fotos dos candidatos e depois, por ultimo, um ped-drive com a mídia de resultado, que é onde são gravados os votos dos eleitores. É este pen-drive que é retirado das urnas após o termino da votação as 17:00 horas e levado para o Cartório Eleitoral e transmitido para o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), contabilizar os votos, com o resultado de cada seção. O trabalho dura em média cinco minutos em cada um dos equipamentos e não há contato com a internet, apenas na transmissão dos dados.

O trabalho foi feito por três profissionais do Cartório, mais quatro contratados de apoio às Eleições. A equipe está trabalhando ininterruptamente, sem folgas. A carga das urnas é um ato público, que pode ser inclusive acompanhado por qualquer cidadão.

São nestes pen-drives que são gerados os votos nas seções e enviados pelo Cartório Eleitoral ao TSE para computador o resultado das Eleições
Foto mostra urna eletrônica carregada com todos os dados
COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here