Texto e fotos: Denis Pereira/Equipe Positiva

 

A Cocatrel realizou a inauguração de mais um grande empreendimento. Nesta quarta-feira (12), diretores executivos entregaram aos cooperados, a obra de ampliação do Armazém Paraíso, que fica no trevo de Três Pontas, as margens da rodovia MG 167, na saída para Varginha.

A cerimônia manteve os padrões da entrega da loja da Cocatrel no Distrito do Córrego do Ouro, em Campos Gerais, no início do mês, seguindo as orientações das autoridades de saúde, por causa da pandemia do Covid-19. A cooperativa investiu em apenas 4 meses de obra, cerca de R$3 milhões, na edificação de mais 4,3 mil de área construída, totalizando 8,6 mil metros de armazém e 10 mil de pavimentação externa. Com isto, a capacidade de armazenamento dobrou nesta unidade para 200 mil sacas. O crescimento desde o início da gestão é de 35%, ou seja 500 mil sacas, totalizando 2 milhões. Em Três Pontas, a Cocatrel tem três armazéns, sendo dois os pontos de recebimento de café. Além do Armazém Paraíso, que já está sendo utilizado a sua ampliação, o cooperado pode fazer a entrega no Armazém Matriz.

De acordo com o diretor presidente Marco Valério Araújo Brito, a Cocatrel busca e investe em comodidade e segurança para garantir mais rentabilidade ao produtor, em uma estrutura moderna, controlada através de softwares que controlam toda a parte fisica. “Fizemos mais este grande investimento, com muito cuidado e responsabilidade financeira, para atender a demanda dos produtores, de forma mais ágil e segura, que tem colhido um volume de café cada vez maior e de qualidade e aqui já estamos atendendo a safra deste ano e esperamos bater mais um recorde recebendo 2 milhões em 2020”, disse Marco Valério. A Cocatrel ainda segundo ele, acompanha as mudanças na evolução, no modo de preparar, produzir, trabalhar e armazenar. O Armazém Paraíso, é mais uma obra do planejamento estratégio de estar mais próximo do cooperado.

Antes de descerrar a placa alusiva ao novo espaço, Marco Valério agradeceu os diretores e o conselho que permitiu tantos investimentos. Ele estava junto com o diretor comercial Luiz Antônio Vinhas Oliveira, o diretor Técnico Industrial Francisco de Paula Vitor Miranda, o superintendente Manoel Rabelo Piedade e o conselheiro Leonardo Sandy Reis, que também é presidente do Sindicato dos Produtores Rurais.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here