Os vereadores da Câmara Municipal de Três Pontas receberam pouco antes da Sessão Ordinária desta segunda-feira (11), a visita do proprietário da rede de hipermercado ABC. O grupo está aportando na cidade e vai se instalar na Avenida Prefeito Nilson Vilela, onde as obras estão avançadas. A inauguração tem dada marcada para o próximo dia 22.

Waldemar Martins do Amaral anunciou aos parlamentares que a empresa vai estar gerando 190 empregos diretos e que veio a Três Pontas para somar. 17% são Menores Aprendizes, 10% tem mais de 40 anos, 14% há dois anos não trabalham e as demais são pessoas que já tem certa formação. Ainda tem 60% que não sabem trabalhar e o ABC vai ensiná-los. Esta não é a 06política da empresa, é o mercado que sobra para o varejo alimentar, que funciona aos sábados, domingos e feriados e tem uma escala que as vezes os colaboradores não gostam e tem suas razões.

Três Pontas está ganhando um hipermercado compacto, de tamanho pequeno, mas com 13 mil itens e uma variedade de itens que atende a população por completo no setor alimentício alimentar. O ABC possui restaurante, drogaria, hortifrutti, padaria completa com vários itens, e nos setores de frios e açougue, corta-se os frios e as carnes no tamanho que o cliente desejar. “Temos uma linha de prestação de serviços que atende bem o nosso consumidor”, avalia. A única dificuldade é no espaço de estacionamento, que ele gostaria que fosse maior.

Funcionando todos os dias da semana, o horário será de 8:00 as 22:00 horas, mas talvez seja alterado de 7:00 as 21:00 horas, por causa dos clientes da zona rural.
Quando perguntamos porque decidiu instalar uma unidade do ABC em Três Pontas, Waldemar Martins revelou que a cidade é muito boa, de valor agregado bom, e há muito tempo queria instalar por aqui. Com 51 anos de idade, tem 37 anos no ramo varejista e já está presente em Varginha e Boa Esperança.

Sobre a visita na Câmara, o empresário disse que se colocou a disposição e que está chegando na Capital Mundial do Café para fazer excelentes negócios e ter um bom relacionamento com os clientes trespontanos e da região.

“As pessoas podem esperar da gente muita honestidade, simplicidade e muito trabalho. Nós temos um programa como item na nossa empresa que diz o seguinte: nós acreditamos em Deus, no nosso negócio e nas pessoas. Somos simples, honestos, produtivos e dedicados. Então, com essa doutrina a gente consegue fazer o que o consumidor precisa. E tem mais, o fornecedor regional tem preferência na nossa loja”, concluiu o empresário.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here