EXCLUSIVO – A população de Coqueiral está chocada com o duplo latrocínio registrado neste domingo (14), na zona rural do Município. De acordo com a Polícia Militar, bandidos invadiram a Fazenda Peloso, onde residiam Hélio Gabriel Botelho de 67 anos e José Gabriel Botelho de 70.

destaque irmãos

Hélio e José os irmãos inseparáveis foram mortos dentro de casa

O primeiro estava no sofá da sala enforcado com o fio de um aparelho de tv. O segundo foi encontrado na cama de um dos quartos da residência também com fio no pescoço e com um saco na cabeça. Os irmãos foram encontrados por um amigo e estavam ensanguentados e provavelmente entraram em luta corporal com os ladrões que levaram um revólver e dinheiro que estavam na casa.

Na residência não havia sinais de arrombamento, mas dois cômodos estavam revirados, onde provavelmente eles guardavam dinheiro. A suspeita é que um teria ido defender o outro e os dois acabaram sendo mortos. Hélio e José eram bastante tranquilos, não se separavam, eram pessoas que tinham casas na cidade mas viviam uma vida simples, eram amigos de todos que moravam na região e a forma como os bandidos agiram dá a entender que conheciam a rotina dos irmãos.

A Perícia da Polícia Civil esteve no local e acredita que eles devem ter sido mortos na tarde de sábado, já que eles não seguiram o ritual que fazem todos os dias, segundo os moradores, não trancaram a porteira, a tuia estava aberta e nem soltado o cão que faz a guarda da casa.

Perícia da Polícia Civil faz os levantamentos para a investigação do duplo latrocínio
Perícia da Polícia Civil faz os levantamentos para a investigação do duplo latrocínio

Pessoas próximas de Hélio e José haviam aconselhado os dois a irem morar na cidade, ou pelo menos dormir na cidade. Eles disseram que iriam procurar um caseiro, mas não deu tempo, eles morreram antes. Os corpos foram liberados para a Organização de Luto Cônego Victor e levados para o Instituto Médico Legal (IML), de Varginha.

SAM_2596-001

 Muitas pessoas foram até a casa dos irmãos e ajudaram na remoção dos corpos

SAM_2597-001

COMPARTILHAR

28 Comentários

  1. Já não é o primeiro caso que acontece em Coqueiral, tá na cara que tem uma quadrilha especializada em roubar idosos e que estão tranquilos, pois até hoje não foi solucionado nem um caso aí na cidade, cadê a polícia??? Numa cidade tão pequena, onde todos se conhecem como não se consegue descobrir um bandido ou uma quadrilha? Até quando tudo isto vai ficar impune? Pelo amor de Deus!!!

  2. A polícia pode até fazer alguma coisa, MAS A JUSTIÇA SOLTA. SE EU PUDESSE… CONVOCARIA TODOS OS RESPONSÁVEIS PELA ELABORAÇÃO DAS LEIS PARA QUE AS REVEJAM, PRINCIPALMENTE O ECA,PUNIÇÃO COM RIGOR E FARIA A VIDA VOLTAR AO NORMAL, POIS HOJE O QUE ESTÁ ERRADO É QUE ESTÁ CERTO, NÃO DÁ PARA ACEITAR E MUITO MENOS ENTENDER. POVO DE COQUEIRAL PRECISA SE UNIR E COBRAR, É O MÍNIMO QUE PODEMOS FAZER. TO INDIGNADO.

  3. Este foi um dos crimes que aconteceu neste ultimo mês, lembrem-se que Zé Lagarto morreu espancado durante msm tipo de assalto, e pelo que sei uma senhora foi tb assaltada e espancada, uma mulher teve o seio cortado,isso apenas em 1 mês, quantos vão morrer, ser espancados até a polícia fazer algo?

  4. Os dois eram meus primos, peço ajuda a todos os moradores da cidade para nos ajudar a solucionar este caso, estarei chegando sexta feira em Coqueiral para cobrar da segurança pública, tanto do prefeito quanto da polícia militar do estado de Minas Gerais para solucionar este caso é punir os responsáveis por essa tragédia!!!

  5. Com essa lei brasileira somos nos que vivemos presos dentro de casa com muros altos,cerca elétrica,cadeados,cachorros,e os bandidos solto fazendo todo tipo de maldade.Quando são presos,pagam fiança e voltam a fazer tudo de novo.e nos vivemos com medo de sai de casa,até pra trabalhar.Então eu pergunto;nos é que somos bandidos?Essa lei precisa ser mudada,acabar com as fianças que ao meu ver so serve pra encher o bolço dos governantes,porque nunca aumentam a segurança,com mais policiais.

  6. Meus Deus. Tive o prazer de conhecer, quando visitei Coqueiral, esses irmãos que eram trabalhadores. Gente trabalhadora de bem com a vida e simples de tudo. E vem uns desocupados e fazem uma barbaridade dessas. Isso não pode ficar impune.

  7. daqui a pouco a{ maria do rosário} aparece ai para defender esses vagabundos ,quero ver se o pessoal dos direitos humanos foi la para dar apoio a família das vitimas, infelizmente se o estado é omisso vamos ter que fazer justiça com as própeas mãos e limpar essa raça de vagabundo da face da terra ,meu fico indignado com uma covardia dessas

  8. Lamentável, Vejo isso todos os dias aqui em Brasilia, mas fico chocado mais ainda de saber que estes tipos de criminosos estão atuando nesta região, lugar de pessoas humildes e trabalhadoras. Justiça falida esta de nosso país. Que Deus conforte a família.

  9. Perda é perda. Sempre irreparável em sua essência. Os dois irmãos eram amigos de longa data de minha família. Amigos e parceiros comerciais. Resta-nos orar a Deus, pedindo que o Seu consolo venha encorajar a família a continuar prosseguindo pela vida, apesar dos pesares. Com certeza, sinais, ou cumprimento da Palavra de Deus. E como o amor se esfriou entre nós!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here