Aparelho sonar já utilizado durante as buscas aos garotos

 

*Caso os garotos não sejam encontrados, celebração religiosa será feita na quinta-feira as 15:00 horas no local onde aconteceu o afogamento

As buscas aos garotos de 11 e 17 anos, que desapareceram no Rio Verde, na zona rural de Três Pontas, serão suspensas nesta quarta-feira (08). Após a veiculação desta decisão tomada, inclusive a pedido da própria família, um áudio que circulou em grupos de whatsapp, questionando a utilização de sonar por parte, no trabalho de resgate, a Assessoria de Comunicação do Corpo de Bombeiros de Varginha, informou que algo tenha sido visto na água, onde estão sendo realizado as buscas.

O que foi passado à Corporação é que com os dois sonares disponibilizados, foram visualizados na água apenas, árvores, cercas de arames e redes, mas nenhum sinal de algum corpo ou algo do tipo. Os bombeiros nega que está informação tenha chegado, mas adianta que nesta quarta-feira, no último dia de buscas, outro sonar será usado para uma última varredura. Este foi oferecido voluntariamente, por uma pessoa que mora em Varginha e a informação já foi repassada para a família dos garotos, que acompanha de perto, desde o dia 15, o empenho dos bombeiros.

Segundo a nota emitida pela Corporação, caso eles não sejam encontrados, mesmo com as buscas suspensas, o Corpo de Bombeiros está a disposição, caso haja novos indícios sobre as vítimas e o trabalho pode ser retomado a qualquer momento. Porém, diante da somatória de esforços – a realização de mergulhos equipados, uso de somar, empenho do Canil, do helicóptero Arcanjo, das buscas rio abaixo e acima, com barco e a pé, sem nenhum ponto de localização e referências, as buscas serão suspensas.

A família já marcou para esta quinta-feira, as 15:00 horas, uma celebração religiosa que será realizado próximo do local, onde aconteceu o afogamento, na região da “Prainha”.

João Pietro Amaral de 11 anos e o adolescente Henrique Daniel Fialho de 17, se afogaram durante uma pescaria da família. O menor escorregou de um barranco e caiu no rio, o adolescente foi salvá-lo e os dois se afogaram.

Durante este período, que completa 25 dias nesta quarta-feira, os Bombeiros atuaram em uma área bastante extensa de aproximadamente 30 quilômetros, até na cidade de Fama (MG).

Fotos: Arquivo Equipe Positiva
COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here