*O candidato Paulo Luis gastou até segunda-feira, bem mais que Marcelo Chaves, segundo dados declarados à Justiça Eleitoral

Os dois candidatos que disputam a Prefeitura Municipal de Três Pontas, podem gastar cada até R$ 658.399,85. Eles estão longe de atingir este montante, mas o candidato Paulo Luis Rabello (Cidadania), gastou 13% a mais que Marcelo Chaves Garcia (PSD), de acordo com o que foi declarado à Justiça Eleitoral.

Os dados estão no portal do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que divulga informações das campanhas majoritárias e proporcionais. Para arcar com as despesas, os candidatos são obrigados a abrir conta bancária específica para registrar toda a movimentação financeira de campanha, os recursos recebidos e gastos.

Quem desrespeita os limites de gastos fixados para cada campanha paga multa no valor equivalente a 100% da quantia que ultrapassar o teto fixado, sem prejuízo da apuração da prática de eventual abuso do poder econômico. Os dados são divulgados pela Justiça Eleitoral e podem ser consultados por qualquer cidadão. A Equipe Positiva fez um levantamento dos números e até na segunda-feira (09), mostra uma diferença entre os dois candidatos nos gastos de campanha. Os números podem crescer já que os gastos são contabilizados a medida que os candidatos prestam contas.

O candidato Marcelo Chaves Garcia (PSD), da Coligação Acelera + Três Pontas, recebeu R$45.680,00 de recursos para a campanha. Foram R$7.520,00 doados por pessoas físicas, R$26.390,00 de partidos políticos, sendo R$16.390,00 do PSD e R$10.000,00 do Partido Progressista que é o partido do candidato a vice Luis Carlos da Silva. Marcelo Chaves investiu de seu bolso R$6.000,00, Luisinho R$5.770,00 e Breno Chaves Garcia, filho de Marcelo Chaves R$5.000,00.

A campanha da chapa da situação gastou até agora R$32.131,00, a maioria com a contratação de pessoal e material de campanha, sendo R$13.360,00 e R$12.690,00 respectivamente.

O candidato Paulo Luis Rabello (Cidadania) da Coligação “Todos Juntos por Três Pontas”, recebeu mais recursos e também gastou mais. O investimento até agora foi de R$46.977,25. Foram recebidos R$118.500,00, sendo R$95.000,00 de doações. Os doadores foram poucos. A maior contribuição financeira veio da filha de Paulo Luis, Bianca Mendonça Rabelo, que doou R$70 mil, depois o empresário Gilberto Augusto Cainelli Basílio R$25 mil, e R$23,5 mil, Paulo Luis colocou do próprio bolso.

O gasto maior é com materiais impressos e publicidades, do candidato a prefeito e dos vereadores. A campanha investiu também no impulsionamento de conteúdo no facebook.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here