Fotos: Equipe Positiva

 

Criminoso esqueceu o seu apaarelho celular na casa da vítima conectado a uma rede social

A Polícia Militar se desdobrou durante horas nesta sexta-feira (06), elucidou um crime de furto e prendeu um suspeito de 39 anos, que invadiu a residência de um casal de idosos, que fica no Centro de Três Pontas e levou R$6,7 mil em dinheiro.

De acordo com o sargento da PM Rogério Rosestolato (foto), o casal saiu de casa e provavelmente, deixou o portão da frente e a porta da sala destrancados. Meia hora depois que eles retornaram, perceberam que haviam entrado na residência e furtado a quantia de R$6,7 mil.

A Polícia Militar foi chamada no local pela idosa que tem 74 anos e iniciou as diligências. Durante os levantamentos, conseguiu informações de populares das características do criminoso que teria entrado no imóvel.

Ainda segundo Rogério, o que contribuiu também com a identificação do criminoso, é que na pressa ir embora, ele esqueceu dentro da residência o seu celular. Ao verificarem o aparelho, ele estava destravado e com uma página do facebook aberta.

Os policiais verificaram que o dono do celular era de São Paulo e conseguiu já no meio da tarde, a descobrir que ele estava morando no bairro Santa Inês a apenas três meses. Os militares foram até a casa dele e conversando com o suspeito, ele entrou em contradição. Na casa foram encontrado todo o dinheiro furtado e mais uma folha de cheque em branco. A suspeita é que este rapaz que ficava vendendo balas e doces no Centro, poderia estar verificando a rotina deste casal.

O rapaz que já tem passagens por furtos e danos, foi preso e encaminhado à Delegacia de Polícia Civil de Três Pontas, onde foi ratificado o flagrante.

O Sargento Rogério afirma que esta ocorrência serve de alerta, às pessoas que saem de suas residências e não verificam se as portas e janelas estão devidamente trancadas. Por menos tempo que vão se ausentar de casa, é preciso tomar todos os cuidados. “É o mesmo caso que acontecem com as bicicletas. As pessoas estacionam na porta das lojas, entram para pagar uma conta rapidamente e deixam sem nenhuma tranca e quando retornam a bike já foi furtada”, exemplifica do Sargento da PM.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here