Diego Andrade foi recebido pelo prefeito Paulo Luis

O parlamentar anunciou na Câmara verba de mais de R$700 mil para o Hospital São Francisco de Assis 

Denis Pereira – A Voz da Notícia 

Fazer por todos trespontanos, não apenas pela metade. Foi o que afirmou várias vezes em seu discurso o deputado federal Diego Andrade (PSD-MG), na visita que fez a Três Pontas na manhã desta quinta-feira (30).

DSC09664Sua primeira parada foi na Câmara Municipal onde foi recebido pelo presidente da Casa Sérgio Eugênio Silva (PPS), vereadores aliados e de oposição. Além deles outras personalidades participaram do encontro, como o presidente da Associação Comercial e Agro Industrial de Três Pontas Michel Renan Simão Castro, o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil Luciano Reis Diniz, o seu irmão Daniel Reis Diniz, o candidato a vice prefeito na chapa de Dr. Luiz Roberto Laurindo Dias nas eleições de 2012 e presidente do PRTB João Victor Mendes de Gomes e Mendonça.

Ocupou a cadeira da presidência, Diego Andrade informou que uma pesquisa realizada pela revista Veja apontou ele como um dos parlamentares mais bem avaliados no País, fez um balanço da sua atuação na Câmara Federal, destacando sua luta em prol da cafeicultura, as dificuldades que os produtores vem enfrentando e alguns avanços que a atuação dele no comando da Frente Parlamentar do Café tem trazido para a região que mais produz o grão em Minas Gerais.

 

O deputado, sobrinho do senador Clésio Andrade (PMDB-MG), disse que as portas de seu gabinete para continuar ajudando Três Pontas. As mágoas terminaram nas Eleições, agora é preciso ter maturidade, para manter sempre a sintonia com o Governo Federal através dele, que não quer ver o município perdendo recursos que estavam garantidos, depois de uma luta enorme para conseguir. “Nós não somos inimigos da Administração. Somos de um grupo político adversário nas Eleições, mas meu gabinete eu e meus assessores estamos a disposição”, disse. A intenção com esta visita é abrir um diálogo de trabalho, buscando projetos que estejam parados no Governo Federal para agilizá-los. “Não estou satisfeito porque trabalho muito por Três Pontas, mas tem muito ainda para ser feito”, declarou Diego Andrade.

Ainda sobre a perda de recursos para as construções da Praça da Juventude (R$1,6 milhão) e da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE – R$16 milhões), Diego lamentou que o dinheiro que estava garantido para as obras tenham sido perdidos, já que ele poderia ter intermediado uma conversa com o Governo Federal e Caixa Econômica Federal para resolver as questões, porque na visão dele o problema é não fazer. Ele se colocou a disposição para voltar ao Ministério dos Esportes para tentar resgatar a Praça da Juventude que é um amplo complexo que vai beneficiar toda a comunidade, principalmente os jovens. Na fala destacou o empenho e dedicação do ex-diretor do SAAE Afonso José de Carvalho Figueiredo que lutou muito pela obra da ETE. Quem também foi bastante elogiada foi a atual secretária de Administração Evânia Rocha Moreno, que na gestão da ex-prefeita Luciana Mendonça (sem partido), trabalhou no setor de convênio e ficava responsável por levantar toda a documentação. Graças também ao empenho dela, no mandato passado muito foi feito.

Em 2013, o parlamentar afirmou que focou muito seu mandato na área da saúde, tanto que tem conseguido disponibilizar emendas e recursos para os hospitais, caso de Três Pontas que já recebeu R$400 mil, depois de uma reunião com vereadores que solicitaram ajuda para a Santa Casa de Misericórdia do Hospital São Francisco de Assis. Agora, está sendo empenhado mais R$ 716 mil também que precisa ser cadastrado no Sicomv até o próximo dia 10 de fevereiro. A partir daí, é empenhar para que o dinheiro seja liberado.

Sobre o futuro político do seu tio, Diego Andrade destacou que já falou ao senador Clésio que não quer que ele seja vice. A intenção é que o PMDB lance seu nome ao Governo de Minas. Na avaliação do deputado as Eleições de 2014 será forte e Clésio é mais forte que qualquer vice, por isto, se levar o partido conseguir levar com ele a disputa para o segundo turno, as chances são ainda maiores. Se não, quem Andrade apoiar certamente vai governar Minas Gerais.

Espaço aberto para comentários, aliados agradeceram a presença do deputado e sua atuação no Congresso Nacional. João Victor Mendes disse que está pronto para ajudar para que seja cumprido todo o plano de governo do prefeito Paulo Luis Rabello (PPS), principalmente no que se refere a geração de emprego, o que ele ainda não viu. Aliás, o que João Victor, disse que tem visto é infelizmente um retrocesso.

O presidente da ACAI Michel Renan elogiou a administração da ex-prefeita Adriene Andrade, um divisor de águas que enxergou a necessidade da industrialização, trazendo empresas que absorveram mão de obra trespontana. Ao deputado destacou que a presença de tantas pessoas no Plenário da Câmara mostra seu prestígio por sua postura ética e digna, o que falta em muitos políticos.

Falando em administração pública, Michel avalia que existem em Três Pontas duas vertentes pouco discutidas. A qualificação da mão de obra e falta de investimento no turismo. A ACAI tem promovido desde o início do seu mandato a frente da entidade cursos, palestras e eventos, com apoio inclusive do SEST/SENAT para qualificar profissionais, já que vagas em aberto sempre tem na Associação e no SINE. Prova disso, é que ele está trazendo para Três Pontas uma empresa do Rio de Janeiro, mas com ela 10 pessoas, já que falta gente qualificada para assumir as vagas.

O turismo religioso é pouco explorado e é preciso investir na Festa do Padre Victor, pouco aproveitado pelo comércio de Três Pontas. Falta também estrutura, conforto e segurança para abrigar tanta gente. O deputado Diego Andrade disse que dinheiro público não pode custear festa religiosa, mas recursos podem ser investidos na estrutura para receber os visitantes.

Outro ponto que preocupa Michel Renan é a grave crise na cafeicultura que tem afetado diretamente todos os trespontanos, já que 11 mil pessoas vivem do café.

Diego Andrade é recebido pelo prefeito Paulo Luis

DSC09681

Nem todos que estavam na Câmara foram ao gabinete, apenas vereadores e assessores do deputado. Diego Andrade foi recebido pelo prefeito Paulo Luis, o vice Érik e alguns secretários. O parlamentar deixou claro que a disputa política já terminou com uma Eleição bastante intensa, mas no exercício do mandato todos precisam se unir para trabalhar por Três Pontas. Sem receio, a intenção de Diego é continuar representando a cidade, recebendo, como no passado as demandas do município em seu gabinete que lá tem prioridade número um. Talvez sejam pessoas que o cercam que criam falsas notícias.

Paulo Luis disse que não restrição que recursos destinados tanto por ele como pelo senador Clésio Andrade são bem vindos e que o gabinete sempre esteve aberto. “Estou aqui trazendo o meu apoio e deixando minha equipe a disposição de Três Pontas, cidade que admiro e sempre faço questão de estar aqui”, enalteceu o deputado.

COMPARTILHAR

Comentários