As crianças da Escola Municipal Professora Edna de Abreu no bairro Santa Edwirges tiveram um dia letivo diferente nesta sexta-feira (29), com a inauguração da ampliação do prédio que abriga atualmente 325 alunos do ensino fundamental séries iniciais. O fato marca a trajetória do pré escolar que foi inaugurado em 1996, em um barracão provisório no bairro Santa Margarida, sem muitas condições.

Autoridades e convidados foram recepcionados por músicos trespontanos que trouxeram a boa qualidade musical que a cidade tem. Gabriel, Bia e Tácio, parceiros da escola nas mais diversas atividades, entoaram canções da Música Popular Brasileira que chamaram a atenção durante a manhã bastante agradável.

As crianças da professora Elaine se vestiram de verde, amarelo e azul em ato de civismo, ao lado das autoridades, seguraram as bandeiras do Brasil, de Minas Gerais, de Três Pontas e da Escola, para as execuções do Hino Nacional Brasileiro e em seguida o Hino do Centenário da Cidade, de Gileno Tiso.

01

Já os alunos da professora Márcia, apresentaram a música “O Caderno” de Toquinho e uma mensagem lida pela educadora mostrou o quanto faz bem ensinar.

A obra assinada pela atual Administração é a maior delas na educação. Com recursos próprios no montante de R$900 mil, foi possível edificar em 834,40 m² onde era uma quadra esportiva, 8 salas de aula, banheiro feminino e masculino, biblioteca, sala de informática, recepção, pátio coberto e o bloco administrativo com salas de coordenação, direção e professor. A obra chama a atenção pelos detalhes, as salas de aulas amplas e arejadas e uma arquitetura moderna, dificilmente vista no setor público, garantindo maior conforto aos alunos que já estavam lá, bem como aumentou a capacidade de atendimento, acolhendo crianças que antes precisavam se deslocar de ônibus ou van para outras escolas.

07

A partir de 2015, a Escola Edna de Abreu passou a oferecer as séries iniciais do ensino fundamental, progressivamente; iniciando quatro turmas de 1º ano e assim sucessivamente 2º, 3º, 4º e 5º anos da educação infantil. Hoje, o antigo pré escolar funciona com cinco turmas de 1º período, quatro turmas de 2º período, três turmas de 1º ano e três turmas de 2º ano do ensino fundamental.

A diretora da escola Edna de Abreu Rosiane Rissi Maia se emocionou ao09 ver um sonho realizado.  A vontade da equipe do estabelecimento educacional, de todos os pais dos bairros Santa Edwirges, Santa Margarida, Santa Inês e adjacências. Cheia de gratidão, Rosiane se dirigiu ao prefeito Paulo Luis e ao vice prefeito Érik dos Reis Roberto que estava a frente da Secretaria Municipal de Educação e foi parceiro de todas as horas. Agradeceu aos pais que confiam seus “tesouros” a eles e a seus funcionários que são dedicados na jornada de trabalho.

10O vice Érik dos Reis Roberto recordou que há quase quatro anos, a obra era o anseio dos moradores. A realidade foi conhecida ainda durante a campanha ao bater de porta em porta e o pedido era o mesmo – uma escola para atender mais crianças, evitando que os filhos precisassem pegar ônibus para estudar no Centro. Quando assumiram a Administração em 2013, o prefeito determinou a Érik que resolvesse o problema, porque compromisso é para ser cumprido. “Os primeiros rabiscos começaram com a equipe da Secretaria Municipal de Transportes e Obras e hoje a obra está pronta”, afirmou.

Um frase muito usada na Câmara Municipal, foi dita pelo vice prefeito. “Contra fatos não há argumentos”. Em seguida, declarou que a administração do prefeito Paulo Luis é a administração baseada em três pilares, considerados fundamentais para uma boa gestão. Competência, honestidade e transparência. “Competência, pois além de fazer, precisamos terminar o que os outros não terminaram e ainda dar um passo a frente. Da honestidade onde não se houve falar de desvios de forma alguma. E dá transparência, que ouve os anseios da população e fica de portas abertas”, declarou.

11Já o prefeito Paulo Luis Rabello, o último a falar, começou enaltecendo o pedido feito pela vereadora Valéria Evangelista da construção do passeio em torno do novo prédio, depois, falou do cenário politico nacional e diz se orgulhar por não fazer parte da corja daqueles que saqueiam diuturnamente o povo que carrega calos nas mãos e o suor no rosto.

Acrescentou que o quase um milhão de reais investidos na obra da escola, saíram dos  bolsos destes trabalhadores e passaram sua minha fiscalização e assinatura, centavo a centavo. Ele refez uma promessa de quando assumiu a Administração. “Enquanto aqui estiver como prefeito, farei o cumprir dos objetivos, continuarei sonhando e realizando para meus conterrâneos”, disse o prefeito. Paulo Luis admitiu falha na realização de propagandas, mas foi opção dele escolher como ferramenta de comunicação a realização dos trabalhos.

“Pautei minha administração na responsabilidade e na economia. Foi preciso, sim, economizar com publicidade para conseguir realizar. Esta construção aqui, feita de sonhos, suor e concreto, só é importante porque tem vida envolvida. E é esta vida que me dá forças para continuar a servir”, concluiu.

Os convidados, autoridades, pais e familiares de Edna de Abreu que foram homenageados durante a cerimônia conheceram as dependências do novo prédio e receberam na saída pirulitos com desenhos confeccionados por alunos do estabelecimento educacional.

12
Executivo e Legislativo desceram a placa de marca a inauguração do novo prédio
COMPARTILHAR

Comentários