Presos são acusados também de cometerem assalto e foram reconhecidos pelas vítimas

Polícia Militar foi chamada na madrugada deste domingo (27), por causa de uma confusão generalizada em uma festa, no bairro Santa Inês. Ao som de muito funk e pagode, as pessoas se divertiam na festa particular realizada na entidade Padre Wallace, mas a comemoração terminou com um rapaz baleado.

Tudo começou com uma briga e Gleiton Roberto Vitor Camilo de 21 anos e Wagner Henrique da Silva de 18, estavam com uma arma de fogo, e deram dois tiros contra Anthony Caique Silva de 22 anos, que também estava na festa. Os disparos atingiram as costas e uma das pernas.

Gleiton e Wagner suspeitos de assaltar propriedade rural em TP
Gleiton e Wagner suspeitos de assaltar propriedade rural em TP

Após o crime, a dupla fugiu em uma motocicleta vermelha. A Polícia Militar foi chamada e quando chegou socorreu o rapaz na própria viatura até o Pronto Atendimento Municipal (PAM).

Com informações sobre os suspeitos, as viaturas iniciaram rastreamento e depararam com Wagner Henrique na Rua Duque de Caxias no bairro Botafogo. Ao avistar a polícia, ele correu tentando fugir, foi perseguido, entrou em uma residência, jogou no chão a arma, uma bereta 635 com04 três munições e pulou o muro que dá acesso a uma residência vizinha. Com o local cercado, não deu outra, acabou preso no quintal da casa ao lado. A motocicleta que estava estacionada na garagem, ainda com o motor quente foi apreendida. Durante a prisão de Wagner, a sala de operações da PM, recebeu a informação que o outro suspeito, Gleiton Roberto, tinha sido agredido pelas pessoas que participavam da festa e estava sendo socorrido pela ambulância do SAMU para o PAM e quando chegou foi preso. Pessoas que estavam na entidade e o rapaz ferido reconheceram eles.

Wagner que foi agredido, teve vários ferimentos na cabeça, foi atendido e em seguida levado para a Delegacia de Polícia Civil de Varginha junto com Gleiton, que mora no Distrito do Córrego do Ouro, em Campos Gerais.

Anthony Silva que foi baleado está internado no Hospital São Francisco de Assis e seu estado de saúde respira cuidados.

Materiais apreendidos são de sítio que eles teriam assaltado
Materiais apreendidos são de sítio que eles teriam assaltado

Dupla “famosa” no crime

Wagner e Gleiton já eram procurados pela polícia, suspeitos de terem assalto um sítio na zona rural de Três Pontas, na noite de sexta-feira (25). Depois que o filho do dono da propriedade confirmou que eram eles, ambos disseram que junto com outros dois rapazes da cidade de Campos Gerais teriam feito o assalto. O trabalho continuou na tentativa de recuperar o que tinha sido furtado. Dentro do guarda roupas da casa de Wagner, os militares encontraram vários aparelhos celulares, vídeo game, facas e lanterna, que tinham sido levados.

COMPARTILHAR

Comentários