* Se fosse pelo primeiro tempo, time sairia com vantagem ainda maior. Novo empate garante o TAC em mais uma final

O Três Pontas Atlético Clube (TAC), fez o dever de casa e empatou em 1 a 1 em Alfenas com o Chapadão, na tarde deste domingo (12), em partida realizada no Campo do América, o “Gigante da Avenida”.

Se para garantir a vaga no próximo domingo (19), na final da Copa Sul Mineira de Futebol basta o rubro negro empatar, o técnico Luciano Arara disse que seu time não rendeu aquilo que ele queria e podia. Mas os atletas tiveram seus méritos, pressionaram o primeiro tempo inteiro, tanto é que terminaram a primeira etapa em vantagem no marcador. Aos 33 minutos, Regi cobrou falta, chutou direto, houve até o desvio do atacante Flávio Torres e a bola parou dentro das redes do goleiro Muranga. O TAC já merecia estar vencendo com pelo menos mais dois gols de diferença. Kojak por exemplo chegou a ficar de frente para o gol, mas bateu em cima do arqueiro.

A vontade de vencer prevaleceu na volta do segundo tempo. Aparentando estar satisfeito com o time, o treinador trespontano Luciano Arara voltou com o mesmo grupo, que até os 20 minutos era bem melhor. Depois, a pressão aumentou e rubro negro, ficou bastante tempo na defesa.

Torcedor atirou garrafa de água no campo e atingiu a cabeça de um bandeira
Torcedor atirou garrafa de água no campo e atingiu a cabeça de um bandeira

Com Mococa, Ednan e Luiz Fernando, o Chapadão quis honrar a torcida que não parava um minuto em silêncio. Lamentável foi ver que um torcedor atirou uma garrafa vazia de água dentro de campo e atingiu um dos bandeirinhas. Por conta disso, o jogo ficou parado cerca de 3 minutos.

Foi também em uma cobrança de falta que Alexandre Coelho aos 24 minutos da etapa final acertou as redes de Isael que também fez belas defesas, mas não conseguiu evitar a bomba que soltou o jogador alfenense. Com o aperto que o time sofreu no fim, 1 a 1 placar final, ficou de bom tamanho e a torcida era para que o apito soasse pela última vez.

Para o técnico Luciano Arara, o primeiro tempo o TAC correspondeu, mas no segundo sentiu a pressão, jogou apenas 10 minutos e depois foi jogo de um time só e por isto, admite “o Chapadão mereceu o empate”.

Torcedores de Alfenas fizeram a diferença. Trespontanos estão sendo convocados para empurrar o TAC para a final
Torcedores de Alfenas fizeram a diferença. Trespontanos estão sendo convocados para empurrar o TAC para a final

O TAC precisa agora apenas empatar para garantir a vaga à final da competição. A partida de volta acontece no próximo domingo (19), no Estádio Municipal Ítalo Tomagnini, mais cedo. O jogo começa as 14:15 pois pode haver prorrogação. Os ingressos terão preço único e custarão R$5. Antes, o TAC faz nesta segunda-feira (13), um amistoso contra o Boa Esporte, no Estádio Municipal Dilzon Melo, em Varginha, as 19 horas.

O curioso segundo Arara, é que dos 6 pontos que a equipe perdeu, 5 deles foram dentro de casa. Ele revelou que o time não conseguiu treinar esta semana e que o gramado do Campo do TAC não está ajudando. Prejudica ambas as equipes, mas seus comandados é time muito técnico.

Na outra semifinal, em Alterosa, o Campomeiense venceu os donos da casa por 1 a 0.

TAC – Isael, Gui (A), Willian, Leandro (Ricardo) e Binho. Emerson, Rafa da Cohab (Baiano), Regi e Porquinho (Thiago). Gilberto (Rafinha) e Kojak. Técnico Luciano Arara.

CHAPADÃO – Muranga, Kaká (Cebola), Ednan, Cássio (Ribeiro) e Alexandre Coelho. Vaguininho (Rodrigo Terra), Mococa (Sorriso), Maxsuel e Luiz Fernando. Flávio Torres e Japinha (Tuquinha). Técnico Carlos Henrique “Iti”.

ARBITRAGEM – Daniel Eduardo Gonçalves Franco. Auxiliares Everto Salatiel Bigon e Gerbeson Fernando Moura. Representante da Liga Vander Luis Almeida e o Delegado Gilberto Antônio Cardoso Junqueira.

NÚMEROS

A Copa Sul Mineira de Futebol realizou até aqui 65 partidas, com 190 gols marcados. O Campomeiense tem a defesa menos vazada, apenas 5 e em seguida Alterosa com 7 gols sofridos. O ataque mais positivo é de Três Pontas com 29 gols, seguido de Campo do Meio com 27 gols assinalados.

COMPARTILHAR

Comentários