Um família inteira de Três Pontas, envolvida em vários crimes na cidade e em municípios da região, se deram mal em Cristais, no dia 07 de janeiro, depois de furtarem em uma casa de uma idosa de 85 anos.

A aposentada encontrou com uma viatura da Polícia Militar fazendo patrulhamento e relatou, que estava em casa por volta de 11:30 da manhã, no bairro Serra, quando três mulheres chegaram pedindo água e comida.

Elas entraram na residência e a idosa serviu a elas café e almoço. Duas delas permaneceram na cozinha, enquanto uma outra foi flagrada pela vítima dentro do seu quarto. Elas então saíram e foram embora. Quando a idosa retornou para dentro, ela percebeu que sua carteira que estava em uma gaveta do guarda roupas, com documentos pessoais e cerca de R$1.1 mil havia sido furtada.

A Polícia saiu a procura das mulheres e souberam que elas haviam entrado em um carro, onde estavam dois homens e haviam seguido em direção ao Centro. Durante o rastreamento, a PM localizou o veículo estacionado em frente a um restaurante e os suspeitos estavam lá dentro almoçando.

Foi feita a abordagem e com uma das mulheres foi encontrado R$800 e com um dos rapazes R$187. A idosa reconheceu as mulheres e todos foram presos e encaminhados à Delegacia de Polícia Civil de Campo Belo. O veículo que eles usaram também foi apreendido.

Família que se dedica ao crime

Os presos são da mesma família e moram no bairro Jardim Boa Vista em Três Pontas. A mais conhecida no meio policial é a mulher de 33 anos, que se passa por boa moça, disposta a ajudar, mas seu objetivo é furtar, principalmente homens idosos. Ela estava com o irmão dela de 32 anos que tem passagens por roubo, receptação, furto e homicídio, com o namorado que tem passagens por lesão corporal e a mãe de 56 anos que tem passagens por furto.

O modo de agir deles leva a crer que a familia, agiu em Cordislândia, São Gonçalo do Sapucaí, Alpinópolis, Carmo do Rio Claro e Perdões, pelo menos duas vezes em cada cidade, além de Três Pontas.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here