Um agricultor de 62 anos foi preso durante a noite de sexta-feira (08) enquanto a Polícia Militar realizava Operação Batida Policial, em Santana da Vargem.

Uma guarnição foi acionada, informando que havia uma mulher de 49 anos, no Centro da cidade, que estava aos gritos dentro de casa, depois que seu ex-marido chegou. Ela era ofendida com várias palavras de baixo calão e os vizinhos ouviam muito barulho de coisas e objetos sendo jogados no chão. A mulher saiu correndo para fora. A PM foi chamada e a vítima confirmou que as agressões verbais são freqüentes, que recebe ameaças de morte. Ele foi preso e encaminhado a sede do Destacamento de Santana da Vargem. Durante o registro da ocorrência, o acusado revelou que tem uma arma de fogo, que fica na casa de seu irmão que reside na zona rural.

Os militares foram até lá e foram entregues a eles, uma espingarda cartucheira calibre 28, registrada em 1994. Em contato com a Delegacia de Polícia Civil de plantão de Varginha, os policiais foram orientados a liberar o agricultor, diante da arma ter o registro e da entrega ter sido voluntária. A arma foi apreendida.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here