A secretária de Saúde Tereza Cristina, o paróco Cônego Douglas Baroni e o assessor de comunicação da Prefeitura Filipe Tosta

 

A Prefeitura de Três Pontas tomou uma providência para evitar que os romeiros e devotos de Padre Victor venham à cidade, durante a festa em comemoração ao 115º Aniversário de Morte do Beato Padre Victor.

Apesar das recomendações de que os fiéis devem acompanhar as celebrações pelas redes sociais, por causa da pandemia da Covid-19, mesmo assim muitas pessoas podem aparecer, vindos principalmente de cidades da região, a pé ou a cavalo, para fazer suas orações e pagar suas promessas. O fluxo de pessoas na igreja Matriz Nossa Senhora D’Ajuda está sendo controlado para que não ocorra aglomerações. As missas da novena que acontece de 14 a 22 de setembro, tem cadastro prévio para os fiéis e um número limitado, mas no Dia do Padre Victor as missas serão sem público e a Matriz estará de portas fechadas.

A Paróquia Nossa Senhora d’Ajuda e a Associação Padre Victor, enviaram um comunicado às paróquias da Diocese da Campanha, orientando às pessoas e a Prefeitura decidiu juntamente com outras autoridades, fechar instalar barreiras nas principais entradas da cidade, evitando a vinda de romeiros neste período onde a saúde e a vida das pessoas é o mais importante, apesar de serem muito bem vindos na cidade em outros momentos. O objetivo é colaborar com a prevenção da doença na cidade. A medida começa a funcionar partir deste sábado, dia 19, até o feriado municipal do Dia de Padre Victor, em 23 de setembro.

De acordo com a divulgação feita pela Prefeitura, não será permitida a entrada de veículos com placas de outros municípios – exceto em caso de trabalho, saúde, quem tenha residência comprovada ou veículos que comprove que faz serviço de entregas. Aqueles de vendedores ambulantes, como de redes, cadeiras, frutas entre outros também não serão autorizados.

A recomendação das autoridades de saúde é que todos fiquem em casa, não viajem, e por isto, nenhum turista poderá entrar, mesmo que seja a pé. A Prefeitura irá pedir apoio à Polícia Militar para que haja policiamento ostensivo durante os dias de impedimento. Ainda será definido a questão dos ônibus de linha, mas a saída dos trespontanos do município não será proibida.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here