fbpx

OPERAÇÃO ALIADO Investigações continuam e polícia não descarta novas prisões

0
Fotos: Equipe Positiva

O cumprimento dos 43 mandados de prisão e 48 de busca e apreensão realizados nesta quinta-feira (31), durante a Operação Aliado, não significa o encerramento do trabalho da Polícia Civil de Três Pontas.

As investigações continuam e estão sob sigilo e segredo de justiça. Por este motivo, a lista com os nomes dos 42 presos não será divulgada por enquanto. De acordo com o inspetor Gustavo Domingos, nenhuma lista com os nomes dos presos foi divulgada.

Os presos podem responder aos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico de drogas, lavagem de dinheiro, e corrupçao de menores, sem contar as qualificadoras, que alteram o patamar da pena mínima e a majorante.

Os suspeitos já tiveram bens bloqueados, mas a polícia ainda trabalha para tentar encontrar outros, já que integrantes desta quadrilha possuem veículos e imóveis e a suspeita de que tenham sido adquiridos com o dinheiro da venda de drogas. A polícia quer saber se Felipe de Paula Silva “Felipinho” construiu uma casa no bairro Santa Tereza com dinheiro do tráfico de drogas. É que Felipinho atua no comando do tráfico de drogas há mais de 10 anos, tinha o controle de várias “bocas” e aliciava pessoas e menores.

Foram cumpridos 48 mandados de busca e apreensão e 43 de prisão, sendo que 42 pessoas foram presas, desde o início da manhã até o fim do dia. Ainda segundo Gustavo, outras pessoas podem ser alvos de investigação, o que pode gerar novas prisões, até a conclusão do inquérito policial. “Recebemos o reconhecimento da população de bem que nos aplaudiu em frente a Delegacia, resultado de extrema dedicação e integração com a Polícia Militar”, acrescentou.

A equipe da Polícia Civil irá iniciar nas escolas neste mês de junho, palestras de prevenção ao uso de drogas. Uma caminhada também está sendo programada com a participação de estudantes e dos moradores da cidade.

Pássaros são apreendidos e alvos são multados

Ao todo, 15 pássaros foram apreendidos em casas onde a Polícia Civil e Militar cumpriram os mandados. Foto: Divulgação PM

A Polícia Militar Ambiental de Varginha deslocou ao município de Três Pontas e realizou fiscalização em casas onde a Polícia Civil procurou pelos alvos da Operação Aliado. Foram vistoriados três planteis de aves mantidas em cativeiro irregularmente e também dois cadastros de criadores amadores de passeriformes. Os dados divulgados pela PM indica que foram apreendidos 15 pássaros silvestres como “Coleirinha”, “Trinca ferro” e “Tico Tico”, além de 15 gaiolas. Foram lavrados cinco multas que totalizam R$42.435, por manter em cativeiro animal silvestre sem autorização e por deixar de comunicar fuga e óbito de animais controlados. Por conta disso, três pessoas foram presas e lavrados os respectivos Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCO). A PM do Meio Ambiente também deu apoio a escolta dos presos realizada até o Presídio de Três Pontas.

Sul de Minas se mobiliza em favor de pessoas com deficiência

0
Foto: Willian Dias/ALMG

Integrantes do setor relatam dificuldade de estrutura, carências de acessibilidade e outras queixas da população

A preocupação com a falta de recursos e com o retrocesso que ameaçam as políticas públicas voltadas para as pessoas com deficiência mobilizou moradores de Varginha e de outras cidades do Sul de Minas que participaram, nesta sexta-feira (31/5/19), de reunião da Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG).

A apreensão das pessoas que atuam no setor cresceu com a possibilidade de extinção do Conselho Nacional dos Direitos das Pessoas com Deficiência (Conade), incluído pelo presidente Jair Bolsonaro em uma lista de conselhos de participação social que serão extintos. A lista consta no Decreto assinado pelo presidente em 11 de abril de 2019.

O decreto dá um prazo de 60 dias para que os conselhos justifiquem sua existência, ou sua extinção será definitivamente concluída em 28 de junho. Em 16 de maio, a Secretaria Nacional da Pessoa com Deficiência informou que o Conade não seria mais extinto pelo governo federal, mas o temor ainda permanece entre os militantes do setor.

Durante a abertura da reunião, o deputado Professor Cleiton (DC) elogiou o trabalho do Conselho Municipal de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência de Varginha (Codeva). “Venho do movimento católico, que valoriza muito a participação nesses conselhos paritários. Eles precisam ser fortalecidos”, defendeu.

Professor Cleiton afirmou que, dos 853 municípios mineiros, 85 criaram conselhos municipais de defesa das pessoas com deficiência, mas apenas 34 estão ativos. “Sabemos que muitos estão sendo desativados pelos prefeitos”, lamentou. Ele criticou os cortes de políticas sociais. “Se o Executivo não fizer, a Assembleia vai fazer, vamos ouvir as pessoas que estão sofrendo com o não-Estado”, declarou.

O presidente do Conselho de Varginha, Luiz Carlos Bruziguessi, criticou a atuação do Governo do Estado no setor. “Temos algumas deficiências no sistema. O Conselho Estadual não é atuante”, criticou. Em Varginha, para contornar a escassez de recursos públicos, o conselho procurou parcerias com empresas privadas, mas ele disse que isso é uma exceção na região. “Já tivemos 30 cidades organizadas na Frente Sul Mineira de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência. Hoje, há cidades em que os conselhos não têm nem um carro”, afirmou.

O presidente do Conselho de Itajubá (Sul de Minas), Adão Ferreira, um dos fundadores da Frente Sul Mineira, disse que seu município criou o conselho em 2006 mas, desde então, os integrantes têm enfrentado dificuldade para criar a política e o fundo municipais para as pessoas com deficiência. O vereador Wilson Lopes, de Pouso Alegre (Sul de Minas), disse que a mesma dificuldade com a criação do fundo vem ocorrendo em seu município.

O deputado Professor Cleiton conclamou as autoridades locais a aproveitarem a audiência pública para reativarem a Frente Sul Mineira de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência.

Falta de acessibilidade no transporte é queixa frequente

Além da escassez de recursos e da precariedade dos órgãos públicos, também foram apresentadas queixas com relação à falta de acessibilidade no transporte municipal e intermunicipal, a sites públicos que não permitem o uso adequado por pessoas com deficiência, ao desrespeito à reserva de vagas em concursos e ao atraso nos repasses do Programa de Intervenção Precoce Avançada (Pipa), entre outras.

Os recursos do Pipa são destinados pelo Estado às Associações de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apaes). De acordo com o presidente da Federação das Apaes de Minas Gerais, Jarbas Feldnor de Barros, o atraso já chega a R$ 12 milhões.

O vice-prefeito de Varginha, Vérdio Lúcio Melo, disse que está em andamento uma licitação no transporte público municipal que exigirá veículos adaptados às necessidades das pessoas com deficiência.

O deputado Zé Guilherme (PRP) disse que é necessário defender constantemente os direitos das pessoas com deficiência. Ele destacou que, na reforma da Previdência proposta originalmente pelo governo federal, houve uma tentativa de proibir as pessoas de recorrer ao Judiciário para obter remédios. “Isso foi retirado por iniciativa do deputado federal Marcelo Aro (PP-MG)”, afirmou. Ele também criticou as tentativas do Estado de fechar escolas de ensino especial. “Não vamos permitir que as escolas fechem”, disse.

O deputado Professor Wendel Mesquita (SDD), que presidiu a reunião, destacou o fato de o Sul de Minas estar muito bem representado na Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência da ALMG. O deputado Doutor Paulo (Patri), um dos integrantes da comissão que é da região, elogiou o fato de a Assembleia ter escolhido a região para realização dessa audiência pública.

Já o deputado Bruno Engler (PSL) apresentou e defendeu um projeto de ensino da Língua Brasileira de Sinais (Libras) para alunos que podem ouvir, a fim de promover uma comunicação mais fácil com os colegas deficientes auditivos.

Ao final da reunião, os deputados aprovaram requerimentos de providências e de informações a diversos órgãos públicos e também ao Expresso Gardênia, empresa responsável pelo transporte intermunicipal na região de Varginha. Os requerimentos trataram da questão da acessibilidade e outras reivindicações apresentadas durante os debates.

Entre os requerimentos aprovados, está um de autoria do deputado Professor Wendel Mesquita, para que seja feita visita às salas de recursos multifuncionais do sistema público de ensino. Outras solicitações do mesmo autor são para realização de audiências públicas sobre o processo de habilitação de pessoas com deficiência, para condução de veículos e sobre a ecoterapia.

É possível evitar as rugas. Saiba como!

0

Com o passar dos anos é muito comum que marcas de expressão surjam no nosso rosto. No entanto, muitas pessoas buscam métodos para diminuir ou evitar o aparecimento dessas pequenas marcas. Eventualmente alguns cuidados básicos como ingerir bastante água, uso de protetor solar e remédios naturais como Colastrina, podem te ajudar a prevenir o aparecimento das rugas. Para saber mais acesse o Blog da Saúde.

4 NOTAS DE FALECIMENTOS sábado 1º de junho

0

Faleceu Pedro Gabriel dos Santos, mais conhecido  Pedro Gabriel da Sete Cachoeiras. Residia na Rua Marques de Abrantes 394, no Centro. O corpo está sendo velado no Velório Municipal e o sepultamento será hoje as 15:00 horas.

Faleceu Rosilene a Silva Botrel Rabello, esposa do Adalto do Rápido Três Pontas e nora da Dirce funcionária da Prefeitura. Residia na Rua João Roberto de Brito 111, no bairro Alcides Mesquita. O corpo está sendo velado no Velório Municipal e o sepultamento será hoje as 17:00 horas.

Faleceu Clésio Ferreira Barbosa, mais conhecido por Clésio filho do Nenego. Residia na Rua José Justino 34, no Centro de Santana da Vargem. O corpo está sendo velado no Velório Municipal de Santana da Vargem e o sepultamento será hoje as 17:00 horas.

Faleceu Daniele Maise Silva, mais conhecida por Dani Cabeleireira. Residia na Rua Francisco de Brito 516, no bairro São Luis, em Santana da Vargem. O corpo está sendo velado em sua residência e o sepultamento será hoje as 17:00 horas.

Queda na temperatura exige cuidados especiais com a saúde

0
Dr. Marcus Vinicius orienta as pessoas neste período de queda na temperatura

Loui Jordan

Com o fim do outono se aproximando e a chegada do inverno, não só as temperaturas tendem a abaixar. Com o registro das baixas temperaturas, médicos alertam para o risco de problemas e doenças respiratórias, como a bronquite, sinusite, resfriado e gripe, que podem surgir, especialmente em pessoas mais vulneráveis como as crianças e os idosos.

No município de Três Pontas, as coisas não são diferentes. Já é possível sentir a passagem da estação aos poucos, a noite já está mais fria e o tempo começando a ficar seco. O médico pneumologista, Dr. Marcus Vinicius Moreira alerta para alguns fatores, tanto de época, quanto aspectos que possam passar despercebido nas rotinas.

De acordo com Dr. Marcus, a soma de frio, tempo seco e menos ingestão de água, potencializa a incidência do contato com esses alérgenos. “O problema dessa época do ano é o seguinte: o tempo fica frio e seco. Então, nós ficamos mais expostos as partículas que ficam presentes no ar, a poeira, a fumaça da própria poluição, seja por automóvel, caminhão, ônibus, ou até as queimadas, então a gente fica mais propenso a ter contato com essas partículas que causam alergia. Com isso, soma o fator que com uma época mais fria, o pessoal tende a beber menos água, então aí a micose do nariz acaba ficando um pouco mais ressecada e mais propenso a esse tipo de contato e desencadeando as alergias. ”

A principal orientação é se hidratar. Estar se alimentando, bebendo líquido e respeitando algumas outras recomendações, faz com que a pessoa esteja mais blindada a esses riscos. “Primeiro beber muita água, hidratar muito nessa época do ano, porque umidificando a mucosa do nariz e boca a gente tem uma certa proteção, uma barreira contra esses alérgicos. Outra coisa é evitar lugar fechado, porque fica uma concentração de pessoas muito grande, o ambiente não fica ventilado por causa do frio. Isto aumenta a chance de contágio entre as pessoas em contato com o vírus. Isto costuma transmitir mais em ambiente fechado e pouco ventilado”, recomenda o pneumologista.

Exercício físico

Aos adeptos dos exercícios físicos, sempre gera um estilhaçamento de opiniões em relação a prática desses com a temperatura baixa. Pois bem, algumas pessoas acreditam que em tempo de frio, o uso do agasalho ou blusa, é dispensável, já que praticante irá transpirar e, portanto, gerar calor. Nesse caso, o sugerido é se adaptar sempre a determinada estação ou época do ano, isto posto, se estiver fazendo frio, se agasalhe.

Asma

Em relação à asma, é possível com o tempo frio e seco, ela atacar. Existem dois problemas, o primeiro é a pessoa que utiliza a bombinha por determinado tempo e acha que já está bem, o segundo é o uso incorreto da mesma. O que se aplica é simples, manter o uso correto das medicações inalatórias e assim como todos, se hidratar e evitar ambientes fechados.

As mãos e os bebês

Das respostas mais procuradas, são aquelas que visam a saúde dos bebês nesse período de ano. Outro ponto importante e que também faz parte dos cuidados com as pessoas, principalmente bebês e idosos, são as mãos. A higiene das mãos é fundamental na luta contra esses vírus que se espalham pelo ar.

Em relação as mãos, devemos nos atentar a dois tipos de contato. “A transmissão da gripe e do resfriado, ela tem a transmissão direta e a indireta. A direta é você tossir ou espirrar e outra pessoa ter o contato com aquele vírus direto na respiração. A indireta, a pessoa vai tossir, põe a mão na boca e depois de cumprimentar, coloca a mão na maçaneta da porta, outra pessoa pega ali e por exemplo coça o olho, acaba tendo o contato com o vírus”, adverte Marcus Vinicius.

Quando o assunto é crianças, o médico enfatiza o fato da alimentação ter uma importância vital e claro, cumprir com as orientações é o dever que possuem os pais. “A mãe deve continuar priorizando a amamentação da criança. A Organização Mundial de Saúde (OMS), recomenda a amamentação até os dois anos, porque ali tem anticorpos que protegem a criança. Em casa manter um ambiente ventilado, abrir janela, deixar o ar correr é importante. Se o tempo estiver muito seco, o umidificador ou vaporizador ajudam bem. Agora nós vamos entrar em uma época que não vai chover de tempo seco. Se não tiver o aparelho em casa, pode usar uma toalha molhada na cabeceira da cama ou uma bacia com água também funciona bem.”

Todos esses possíveis riscos, possuem origem em fatores climáticos. As doenças, os perigos, as crises e os resfriados sempre existiram, o que muda é o clima. De certa maneira as pessoas estão menos fortalecidos nessa fase. O lado ruim disso é culpa do próprio ser humano que diversas vezes não se cuida tanto, porém é necessário se policiar buscando seguir as recomendações. “É o melhor a ser feito por aqueles que querem viver um inverno gostoso e produtivo”, esclarece Dr. Marcus.

Cuidados do dia a dia

Nessa época, é natural utilizar-se de blusas que estavam esquecidas. Esses e mais cuidados, são fatores que a medicina orienta para quem quer se prevenir durante a rotina do cotidiano.

Blusas, cortinas e roupa de cama

A relação com a blusa costuma ser temporal, portanto, segundo Dr. Marcus Vinicius, orienta que o cuidado com a blusa, pode passar despercebido e isso não é bom. “A blusa de frio fica guardada no armário o ano inteiro. Chega nesta época de frio e você lembra de tirar do armário. Então é recomendado a tirar, lavar e deixar exposta ao sol, até passá-la pela questão do ácaro. O ácaro é um fator de alergia dentro de casa. ”

Para o médico, as roupas de cama e os outros itens da casa que acumulam poeira, devem ser bem cuidados e até mesmo, substituídos por um tempo. “Sempre trocar a roupa de cama e mantê-la limpa. No quarto ao invés de passar a vassoura que levanta aquela quantidade de poeira no ar o indicado é usar um pano úmido no chão. É importante também evitar coisas que acumulem muita poeira no quarto, como tapetes, cortinas de pano e tomar cuidado com as crianças com ursinho de pelúcia.”

Cães e gatos

Quem possui animal em casa, como cães e gatos, devem ficar atentos. O felino é mais complicado na questão de cuidados, já que a saliva do gato é um problema. Evite que ele fique em quartos e em cima de móveis. Já o cão, um banho por semana é o suficiente para se prevenir.

Plantão de Farmácias deste fim de semana

0

Farmácias de plantão neste fim de semana, dias 1º e 2 de junho

Farmácia do Lázaro – Travessa Marechal Rondon nº. 37 A no Centro. Telefone 3265-2606

Farmácia Aromática – Avenida Brasil, nº. 125, no bairro Catumbi. Telefone
3265-8244

PROGRAMA PASSANDO A LIMPO: A REPERCUSSÃO DA OPERAÇÃO ALIADO

0

PROGRAMA PASSANDO A LIMPO DESTA SEXTA-FEIRA (31, TRAZ TODA A REPERCUSSÃO DA PRISÃO DE 42 PESSOAS NA OPERAÇÃO ALIADO EM TRÊS PONTAS!!!!

CURTA, COMPARTILHE E PARTICIPE!!!

COPA DO BRASIL: confira os resultados e classificados para a próxima fase!

0
Zé Rafael e Mayke, ambos marcaram gols na classificação do Palmeiras. (Foto: Marcos Ribolli)

Por Loui Jordan

Quatro equipes já estão na próxima fase da Copa do Brasil. O torneio nacional teve alguns duelos de volta essa semana e na quarta feira (29) foram três confrontos, na quinta feira (30) foi apenas um confronto. Os resultados foram tranquilos, Internacional, Bahia, Grêmio e Palmeiras estão classificados para as quartas de finais. Semana que vem, teremos os outros quatro jogos de volta das oitavas.

Resultados e classificados

Paysandu 0 x 1 Internacional / MANGUEIRÃO

Bahia 1 x 0 São Paulo / FONTE NOVA

Grêmio 3 x 0 Juventude / ARENA DO GRÊMIO

Palmeiras 2 x 0 Sampaio Corrêa / ARENA PALMEIRAS

O Inter visitou o Paysandu e foi bem. Embora o gol tenha saído no fim da partida, o colorado soube administrar o 3 a 1 da ida e ainda contou com o gol de Guerreiro para vencer novamente. Na Fonte Nova o Bahia mais uma vez triunfou, diante de um São Paulo apático e com uma escalação “complexa” da parte de Cuca, o Bahia ganhou por 1 a 0. O time treinado por Roger Machado, venceu na ida e na volta, o São Paulo precisa se renovar.

O Grêmio em Porto Alegre, não tomou conhecimentos do Juventude. O placar foi 3 a 0, o time de Renato Gaúcho jogou para o gasto, soube vencer e até aqui, cumpre sua missão de forma sutil. O último duelo foi o do Allianz Parque. O Palmeiras eliminou o Sampaio Corrêa, no agregado 3 a 0. Zé Rafael foi bem e defensivamente o Verdão talvez seja o melhor time do país, a escalação alviverde foi alternativa.

Próximos confrontos

Flamengo x Corinthians / MARACANÃ 21:30 / TERÇA 04/06

Cruzeiro x Fluminense / MINEIRÃO 19:15 / QUARTA 05/06

Athletico-PR x Fortaleza / ARENA DA BAIXADA 19:15 / QUARTA 05/06

Santos x Atlético-MG / PACAEMBU 20:00 / QUINTA 06/06

Nenhum jogo restante está decidido. O Cruzeiro favorito, não está bem e vai enfrentar um time ofensivo que é o Fluminense. O Flamengo, mais favorito a triunfar, internamente segue cobrado e agora sem Abel Braga. O Corinthians está em uma sequência no mínimo boa, o Timão pode muito bem vencer no Maracanã e avançar, mas o Flamengo ainda é pouco favorito.

No Paraná, o furacão é favorito diante do Fortaleza. O problema é a derrota na Recopa para o River e talvez a irregularidade, no entanto em casa é muito forte. O Fortaleza venceu a Copa Nordeste e não tem nada a perder, tem tudo pra ser um belo jogo. Por fim, Santos e Atlético, duelo equilibrado. O Peixe é favorito querendo ou não, tem mais riqueza no seu futebol, o fator negativo é a oscilação. O Galo pode tanto eliminar o adversário, quanto decepcionar, ou seja, é um time que não se sabe muito bem o que vai e pode acontecer. Sabe-se que o Atlético é melhor em casa, o Santos se tiver em um dia inspirado, dificilmente deixará a vaga escapar.

Quando ocorreu o sorteio, Santos, Cruzeiro, Flamengo e Furacão eram e seguem sendo favoritos. A situação se complicou um pouco pelo momento dos times, os duelos se tornaram difíceis devido a regularidade e clima em cada clube que possui uma “vantagem” no placar.

OPERAÇÃO ALIADO prende 42 suspeitos de integrar quadrilhas do tráfico

0

Atualizada as 21:05

A megaoperação da Polícia Civil batizada de “Aliado”, mudou a rotina de Três Pontas nesta quinta-feira (30). O forte aparato chamou a atenção dos moradores e o movimento das equipes logo as 6:00 da manhã despertou muitos moradores. Foram 200 policiais civis (das regionais de Varginha, Alfenas, Campo Belo, Três Corações e Lavras), 24 policiais militares, que cumpriram 43 mandados de prisão, 48 de busca e apreensão em toda a cidade. Utilizando armamento pesado, cães farejadores e a aeronave “Carcará” da Polícia Civil, ao todo 42 pessoas foram presas. Drogas, aparelhos celulares, materiais utilizados para embalar os entorpecentes, comprovantes de depósitos bancários, dinheiro e veículos foram apreendidos.

Os alvos da polícia foram os integrantes de duas quadrilhas responsáveis pelo comando do tráfico na cidade. De acordo com o delegado responsável do caso, Dr. Andrey Michel Alves Leite, as investigações começaram há dois anos e neste período, vários desses suspeitos já haviam sido presos e quase 30 quilos de drogas foram apreendidas. Alguns dos alvos ficaram a cargo da Polícia Militar que colaborou com abordagens, fornecimento de dados e informações de rua.

Neste período, foram realizadas diversas interceptações telefônicas, serviços de levantamentos de dados em campo, campanas. Através disso, a polícia descobriu que eles colaboravam um com o outro. A cidade estava dividida entre as duas quadrilhas e quando faltava determinada droga em um alguma localidade, a outra fazia o fornecimento, o que segundo o delegado regional de Varginha Dr. Wellington Clair configura como associação ao tráfico de drogas. Vários mandados foram cumpridos no bairro Padre Vitor, onde a atuação da Polícia Civil tem sido sistemática no combate ao tráfico.

Felipinho um velho comandante do tráfico

Felipinho sendo preso em outubro de 2018. Foto: Arquivo EP

Um dos principais alvos da polícia, foi Felipe de Paula Silva “Felipinho” de 26 anos. Bastante conhecido no tráfico de drogas, o rapaz tem padrão de vida diferenciado dos demais. Está construindo uma casa avaliada em R$400 mil no bairro Santa Tereza. Atua no crime a mais de 10 anos e estava preso em regime semi aberto, desde em outubro do ano passado, quando foi encontrado em Varginha, seus familiares, como sua mãe, Marcelene de Paula Silva de 46 anos continuaram o trabalho no tráfico. Vários bens adquiridos por “Felipinho” eram colocados no nome dela para tentar não levantar suspeita. Ao tentar deixar o Presídio nesta manhã ele foi informado de mais um mandado de prisão.


Louise, o namorado Edson e mãe dela Maria José

Psicóloga usava influencia a favor do crime

A psicóloga Louise Veloso foi presa em casa com o namorado. Foto: rede social

A psicóloga Louise Costa Veloso de 40 anos também foi presa no bairro Parque Veredas. Profissional respeitada, já trabalhou na Prefeitura, era responsável pelo processo seletivo de grandes empresas da cidade e não levantava suspeita. Segundo explicou o inspetor da Polícia Civil Gustavo Domingos, ela gerenciava uma célula que era vinculada a essa quadrilha do bairro Padre Vitor. Usava da sua influência, tinha acesso a vários órgãos públicos, contato com usuários de drogas por conta de sua profissão e repassava informações privilegiadas ao grupo. A psicóloga passava despercebida, até quando começou a ser monitorada. Através dela foi possível identificar outras pessoas.

Quando a polícia chegou, encontrou Louise com seu namorado, Edson de Jesus Gomes Júnior 26 anos outro alvo da Operação Aliado. Na casa de Louise foram apreendidos, maconha, balança de precisão e uma pistola de brinquedo. Na sua saída, Louise negou que tenha envolvimento com o tráfico e disse que a sua prisão era por causa de seu ex-namorado, Alessandro Carioca de Oliveira Filho “Lelê”. Ele só foi preso durante a tarde em casa, no bairro Santa Edwirges. A mãe dela, Maria José Costa de 60 anos que morava ao lado também foi presa. Ela escondia uma caderneta em casa anotações sobre a venda de drogas.

Outros presos

Um comerciante dono de duas lanchonetes foi preso. Gustavo Vilela Coimbra atuava como laranja e usava o estabelecimento para lavar dinheiro através da venda de lanches. “É comum não ter que fornecer nota fiscal na venda dos lanches e não ter o controle das vendas. Eles usam isto para lavar o dinheiro do tráfico de drogas”, detalha o inspetor Gustavo Domingos. Um outro comerciante continua foragido.

Os presos podem responder aos crimes de tráfico de drogas, associação ao tráfico, organização criminosa, corrupção de menores e lavagem de dinheiro. Uma falsa lista com nomes de diversas pessoas circulou durante o dia nas redes sociais, mas ela não foi confirmada pela PC.

Aeronave da Polícia Civil sobrevoou a cidade

Operação faz crescer a sensação de segurança na cidade

A Operação Aliado é a maior já realizada em Três Pontas. Todas as que estão sendo deflagradas na região, tem gerado um efeito super positivo, apontou o chefe do Departamento da Polícia Civil, Dr. Pedro Paulo Marques. “Estamos enfrentando e combatendo o tráfico de drogas para que não aumente e não cresça na nossa região” diz.

O delegado regional Dr. Wellington Clair espera que Três Pontas permaneça calma e tranquila, rendendo agradecimento a atuação do delegado Dr. Andrey, toda a sua equipe e da parceria com a Polícia Militar, que com muita seriedade está promovendo esse enfrentamento da criminalidade. “O Dr. Andrey tem a responsabilidade de prosseguir com os trabalhos de polícia judiciária, de investigação criminal. Qualquer outra situação semelhante a esta, estamos prontos a dar a resposta à sociedade e a população de bem.

Presos no Presídio

Um forte esquema de segurança foi montado no Centro. Várias ruas foram fechadas e o acesso a Praça Tristão Nogueira ficou restrito aos policiais e a imprensa. Familiares dos presos permaneceram a manhã inteira na frente da Delegacia, até a saída deles para o presídio. No fim da manhã, já vestindo uniformes eles foram levados em uma microônibus da Prefeitura para o Presídio, escoltados por viaturas do sistema prisional, da Polícia Militar e da Polícia Civil.

Acima os presos saindo da Delegacia e abaixo chegando no Presídio

MEGAOPERAÇÃO ALIADO da Polícia Civil cumpre AGORA 43 mandados de prisão

0

Alvos são suspeitos de movimentar a maior parte do tráfico de drogas na cidade

A Polícia Civil cumpriu nesta quinta-feira (30) em Três Pontas, 43 mandados de prisão e 48 de busca e apreensão, 40 pessoas foram presas, 18 já estavam presas. A megaoperação chamada “Aliado” combate o tráfico de drogas na cidade.

Policiais civis, militares, com apoio do helicóptero “Carcará” da PC e do Canil do 24º Batalhão de Polícia Militar de Varginha, estiveram espalhados em vários bairros da cidade cumprindo os mandados expedidos pela justiça. São dezenas de policiais civis e delegados empenhados em diversas viaturas.

As investigações começaram a um ano e oito meses e a grande maioria dos alvos já foram presos em operações realizadas ano passado.

Um forte esquema de segurança foi montado para a chegada dos presos na Delegacia de Polícia Civil no Centro. Várias ruas foram fechadas e o acesso está restrito a polícia na Praça Tristão Nogueira.

Aguarde mais informações!!!!